PUBLICIDADE
Topo

Santos

Defesa do Santos tenta voltar a passar ilesa na Vila após cinco jogos

 Maicon, jogador do Santos, durante partida contra o Palmeiras na Vila Belmiro - Raul Baretta/AGIF
Maicon, jogador do Santos, durante partida contra o Palmeiras na Vila Belmiro Imagem: Raul Baretta/AGIF

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

06/07/2022 07h00

Classificação e Jogos

Nesta quarta-feira, o Santos recebe o Deportivo Táchira-VEN pelo jogo de volta das oitavas de final da Copa Sul-Americana. Para avançar de fase, o Peixe precisa de apenas uma vitória simples na Vila Belmiro após arrancar um empate de 1 a 1 na Venezuela.

Acontece que a fase do Alvinegro Praiano em seu estádio não está nada boa. São cinco compromisso seguidos sem triunfar no local. E o detalhe é que em todos esses jogos a defesa santista foi vazada.

São sete gols sofridos neste período, resultando uma média de 1,4 por partida. A efeito de comparação, o time marcou apenas cinco tentos neste mesmo recorte.

Um fator que pode explicar esse mau momento defensivo é o alto número de mudanças que o técnico Fabián Bustos vem sendo obrigado a realizar no setor.

Os problemas de Bustos

Titular absoluto desde que o argentino chegou, Maicon foi desfalque nos últimos dois últimos compromissos na Vila. Curiosamente, o Santos levou dois gols em cada um destes embates (2 a 2 com o Red Bull Bragantino e 2 a 1 para o Flamengo).

Além do miolo de zaga, a lateral direita também vem sofrendo. Madson está se recuperando de lesão na coxa e Auro ainda não se firmou no clube. Dessa forma, Lucas Braga vem sendo constantemente improvisado na posição.

Já do lado esquerdo, Lucas Pires não vive grande momento. Após se destacar no começo do ano, o garoto vem oscilando nos últimos jogos, a ponto de perder a posição para o Felipe Jonatan.

Para a decisão contra o Táchira, os problemas seguem. Felipe Jonatan e Auro testaram positivo para covid-19 e, portanto, não estarão à disposição.

Mesmo com os desfalques, a defesa santista espera enfim voltar a passar ilesa nesta quarta-feira para tentar ajudar o Santos a afastar a má fase. A bola rola no gramado da Vila Belmiro a partir das 21h30 (de Brasília).

Santos