PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Com "reserva" em mau momento, Robert brilha e pode ganhar nova chance no Corinthians

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

25/06/2022 06h00

O técnico Vítor Pereira não cansa de enaltecer as categorias de base do Corinthians. Na última quarta-feira, após a goleada por 4 a 0 em cima do Santos, pela ida das oitavas de final da Copa do Brasil, o português teceu elogios ao zagueiro Robert Renan, de apenas 18 anos, que entrou no lugar de João Victor no segundo tempo.

"O Robert, não sei se repararam, logo que entrou em jogo, é um pouco característico da juventude, ele logo no início meteu um passe interior que é difícil acertar. Ele, como tem confiança e qualidade, irreverência um pouco também, não irresponsabilidade, mesmo com espaço apertado. Isso quer dizer alguma coisa, de confiança e qualidade dele", iniciou o treinador na última coletiva de imprensa.

Robert atuou por quase 40 minutos na etapa complementar e deu uma assistência para que Giuliano marcasse o segundo dele no jogo e o quarto do time na partida. O treinador ainda fez mais comentários sobre o jovem.

"Mas tem que crescer, tem potencial, não tem dúvida nenhuma. Não só ele, temos vários jogadores jovens que vão voar para outros voos, não tenho dúvida nenhuma. Ele, para mim, vai ser um zagueiro de referência. É rápido, técnico, tem personalidade".

O bom momento vivido por ele em campo, aliado ao mau momento de Robson Bambu em atuações recentes, pode colocar o zagueiro de 18 anos à frente por uma vaga no time neste sábado, quando o Timão enfrenta o Santos. A escalação, como sempre, é uma grande incógnita, mas VP deu indicativos de que isso pode acontecer.

"Eu senti o Robson um pouco, no jogo que ele entrou, emocionalmente instável. Precisa ganhar outra vez a confiança das pessoas e dele próprio, temos que dar tempo", falou.

Provavelmente sem Gil, tratando uma lesão do músculo posterior da coxa direita, e João Victor, que deve ser poupado para o jogo da próxima terça-feira, contra o Boca Juniors, na Libertadores, Robert Renan pode ganhar uma vaga no time titular. Vale lembrar, ainda, que Bruno Méndez está devidamente regularizado e também está à disposição para fazer sua reestreia.

Uma provável escalação tem: Cássio; Rafael Ramos, Robert Renan (Robson), Raul e Fábio Santos; Cantillo, Roni e Giuliano (Matheus Araújo); Adson, Mantuan e Júnior Moraes.

O Corinthians recebe o Santos neste sábado, a partir das 19h (de Brasília), pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro, na Neo Química Arena. Na terça, o Timão recebe o Boca Juniors, às 21h30 (de Brasília).

Futebol