PUBLICIDADE
Topo

Esporte

RB Leipzig derrota Freiburg nos pênaltis e conquista título da Copa da Alemanha

RB Leipzig derrota o Freiburg nos pênaltis na Copa da Alemanha - Lisi Niesner/Reuters
RB Leipzig derrota o Freiburg nos pênaltis na Copa da Alemanha Imagem: Lisi Niesner/Reuters

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

21/05/2022 17h50

Classificação e Jogos

Neste sábado, Freiburg e RB Leipzig se enfrentaram no Estádio Olímpico de Berlim pela final da Copa da Alemanha. Após empate por 1 a 1, no tempo normal e na prorrogação, o Leipzig venceu nos pênaltis e conquistou o título inédito da competição.

O meio-campista Eggestein abriu o placar para o Freiburg, mas Nkunku igualou o marcador ainda no tempo normal. Na decisão por pênaltis, o Leipzig não desperdiçou nenhuma cobrança e sagrou-se campeão.

Primeiro tempo

Em primeira etapa agitada, o RB Leipzig chegou com perigo logo aos 14 minutos em chute de Forsberg, que parou na defesa de Flekken.

Aos 18, a resposta do Freiburg veio de forma precisa. Após cruzamento para dentro da área, o atacante Sallai disputou com a marcação e acabou tocando a bola com a mão, o lance seguiu e sobrou para Eggestein, que bateu no canto direito para marcar. O lance foi revisado pelo árbitro de vídeo, que validou o gol.

Aos 23, o Leipzig quase chegou ao empate com Nkunku, que ficou livre na pequena área e tirou do goleiro, mas o zagueiro Schlotterbeck salvou quase em cima da linha.

Segundo tempo

Na segunda etapa, a situação ficou ainda mais dramática para o RB Leipzig.

O defensor Halstenberg matou uma chance clara de gol do Freiburg e recebeu o cartão vermelho direto, logo aos 12 minutos. Porém, a equipe não desistiu e chegou à igualdade no marcador com Nkunku, aos 30. O atacante aproveitou assistência de Orban e escorou para as redes.

Prorrogação e pênaltis

Com o empate, a partida foi para a prorrogação. Porém, sem gols nas duas etapas extras, o tíulo foi decidido nas penalidades máximas.

O RB Leipzig abriu as cobranças com Nkunku, que bateu de forma precisa no ângulo. Petersen deixou tudo igual. Na sequência, o zagueiro Orban deixou o Leipzig novamente na frente e viu o capitão do Freiburg, Christian Gunter, isolar.

Após o erro, Dani Olmo e Henrichs marcaram para o Leizpig e Demirovic chutou na trave para o Freiburg, garantindo o título dos 'Touros Vermelhos'.

Esporte