PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Rwan celebra primeiro jogo como titular no Santos e imagina confronto "difícil" contra Ceará

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

20/05/2022 21h00

Com gol nos acréscimos de Lucas Barbosa, o Santos venceu o Unión La Calera-CHI na noite da última quarta-feira, pela Copa Sul-Americana. A partida também marcou a primeira vez que Rwan começou como titular desde que subiu ao profissional do clube, após a Copinha.

Rwan possui a melhor média de minutos por gol dentre os atacantes do Santos. O atacante já marcou três vezes e precisa de 115,66 minutos para ir às redes. Além disso, os três primeiros gols de Rwan como profissional do Peixe foram em três competições diferentes, na Copa do Brasil, na Copa Sul-Americana e no Campeonato Brasileiro.

O matador alvinegro falou sobre a próxima partida da equipe, contra o Ceará, na Arena Barueri. O Peixe busca recuperação após perder para o Goiás na última rodada.

"Será um jogo difícil o que teremos lá na Arena Barueri. É um time com bons jogadores mas que não vem de uma boa sequência no Brasileiro. Virão muito focados na vitória mas faz parte do nosso trabalho se impor diante de nossa torcida e mostrar o bom futebol que estamos desempenhando nos últimos jogos", comentou.

Em janeiro, ainda pelo sub-20, Rwan se consagrou como um dos principais nomes da Copinha, tendo sido escolhido pelo jornal AS, da Espanha, para compor a seleção de melhores jogadores da competição. O centroavante marcou seis gols e deu duas assistências em oito jogos pelo Santos, que chegou à final do torneio.

O atacante chegou ao Santos no final de 2020, emprestado pelo Flamengo de Guarulhos, e não demorou para desempenhar bem no Peixe. Em 2021 foi o artilheiro da equipe sub-20, com 13 gols em 18 jogos, além de duas assistências.

O time da vila desembolsou R$700 mil por 70% dos direitos do atacante. Rwan assinou contrato até o fim de 2024, que ainda pode ser ampliado caso o atleta atinja algumas metas.

O Santos encara o Ceará no próximo sábado, às 18h30, pela 7ª rodada do Campeonato Brasileiro. A partida foi realocada da Vila Belmiro para a Arena Barueri, em São Paulo, a pedido do Santos, com o objetivo de atender os torcedores que moram na capital.

Futebol