PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Carille opta por três zagueiros e insiste em meio-campo mais "leve" no Santos

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

26/10/2021 08h00

O técnico Fábio Carille deve escalar o Santos com três zagueiros e meio-campo "leve" para enfrentar o Fluminense nesta quarta-feira, às 19h, na Vila Belmiro, em duelo adiado da 23ª rodada do Campeonato Brasileiro.

A escalação da última segunda, no CT Rei Pelé, teve João Paulo no gol, o trio de zaga com Robson, Emiliano Velázquez e Danilo Boza, Madson e Marcos Guilherme nas alas, meio-campo com Vinicius Zanocelo, Felipe Jonatan e Diego Tardelli e ataque com Lucas Braga e Marinho.

Na derrota por 2 a 0 para o América-MG, Carille decidiu por apenas dois defensores - Danilo Boza e Emiliano Velázquez. Agora, sem o suspenso Camacho, o esboço teve três zagueiros e Zanocelo como primeiro homem de meio-campo.

Camacho sentiu um problema muscular nos minutos finais do primeiro tempo no último no sábado e foi substituído por Jean Mota. Jean, em poucos segundos, cometeu pênalti e foi expulso. Ele entraria na vaga de Carlos Sánchez no intervalo.

Na entrevista coletiva, Carille explicou que escolheu Jean Mota pela necessidade de atacar mais o recuado América-MG. E a expectativa é a mesma para o duelo com o Fluminense. Vinicius Balieiro, opção mais defensiva e volante de origem, deve ficar no banco de reservas.

O Santos é o 17º colocado do Brasileirão, com 29 pontos, e pode sair da zona do rebaixamento se vencer o Fluminense.

Futebol