PUBLICIDADE
Topo

Seleção Brasileira

Quinteto pendurado passa ileso e Brasil não tem desfalque contra a Colômbia

Tite, técnico da seleção brasileira, durante jogo contra a Venezuela - Lucas Figueiredo/CBF
Tite, técnico da seleção brasileira, durante jogo contra a Venezuela Imagem: Lucas Figueiredo/CBF

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

08/10/2021 07h00

Classificação e Jogos

Nesta quarta-feira, a seleção brasileira derrotou a Venezuela por 3 a 1, de virada, em partida válida pela 11ª rodada das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo. Além do triunfo, Tite pode comemorar o fato de não ter desfalques por suspensão para a próxima partida, que será disputada contra a Colômbia.

Afinal, os titulares Thiago Silva, Gerson, Lucas Paquetá, Gabriel Jesus e Gabigol estavam pendurados e, caso recebessem o segundo cartão amarelo, não poderiam atuar na próxima rodada. Éder Militão, que ficou no banco, também estava amarelado.

Além disso, Tite contará com o importante retorno de Neymar, que cumpriu suspensão na partida desta quarta. No jogo contra a Venezuela, Tite optou por escalar uma dupla formada por Gabriel Jesus e Gabigol no ataque.

Outro reforço será Douglas Luiz, que foi convocado de última hora para substituir Casemiro, com uma inflamação no dente. O volante não esteve disponível em Caracas e irá se apresentar na Colômbia.

Com o resultado, o Brasil foi aos 27 pontos, na liderança das Eliminatórias. A partida contra a Colômbia será disputada no domingo, às 18h, em Barranquilla.

Seleção Brasileira