PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Recuperado de lesão, Marinho tem baixo aproveitamento em chutes e cruzamentos desde retorno ao Santos

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

22/09/2021 08h00

Recuperado de um hematoma na coxa, Marinho retornou ao Santos no último dia 11, contra o Bahia, pelo Brasileirão. Desde então, o ponta-esquerda atuou por 206 minutos e já deu maior volume ofensivo à equipe comandada pelo técnico Fábio Carille.

No entanto, Marinho ainda peca na eficiência em alguns atributos ofensivos. Separando alguns minutos do jogo contra o Bahia e as partidas completas contra Athletico-PR e Ceará, o atacante possui nove finalizações, tendo acertado apenas duas, segundo o Footstats.

Além disso, Marinho completou 10 cruzamentos e acertou apenas um. Uma ação que Marinho possui alta média de acerto nesse pequeno recorte de jogos é o drible. O atleta tentou oito dribles e acertou seis.

Consequentemente, por tentar muitas jogadas individuais, o número de faltas sofridas de Marinho costuma ser alto. Nesses últimos jogos, o atacante sofreu ao todo 15 faltas, gerando muitas situações de bola parada ao Peixe.

A próxima oportunidade que Marinho terá para ajudar o Santos será contra o Juventude, fora de casa, no próximo final de semana. No Brasileirão, o atacante possui quatro gols em 14 jogos.

Futebol