PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Camacho avalia fase complicada do Santos e lamenta "gol bobo" no começo

Camacho, do Santos, tenta driblar Auremir, do Cuiabá - Gil Gomes/AGIF
Camacho, do Santos, tenta driblar Auremir, do Cuiabá Imagem: Gil Gomes/AGIF

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

04/09/2021 23h04

Classificação e Jogos

Camacho avaliou a má fase do Santos depois da derrota por 2 a 1 para o Cuiabá neste sábado (4), na Arena Pantanal, pela 19ª e última rodada do primeiro turno do Campeonato Brasileiro. O Peixe não vence há cinco jogos na competição e é o 13º colocado, com o risco de terminar o turno em 15º.

"A gente tomou o gol numa jogada que treinamos na semana inteira, que eles fizeram contra o Palmeiras. Corremos atrás, jogamos bem, criamos chances. E ficou um jogo de trocação e tomamos gol bobo. Fase difícil, complicada, e temos que levantar a cabeça", disse Camacho, ao canal Premiere.

"Time grande, gigante, pressão vem. Não estamos ganhando. Tivemos momentos bons de novo, mas outros de desatenção e isso não pode acontecer. Temos que trabalhar para sair dessa situação o mais rápido possível", completou.

O Santos voltará a campo para enfrentar o Bahia no próximo sábado (11), na Vila Belmiro, pela primeira partida do returno do Campeonato Brasileiro. No mesmo dia, o Cuiabá visitará o Juventude.

Futebol