PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Choque-Rei marca confronto de zagueiros indispensáveis para as equipes

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

31/07/2021 07h00

São Paulo e Palmeiras se enfrentam neste sábado, às 19h (de Brasília), no estádio do Morumbi, pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Choque-Rei, que é uma prévia das quartas de final da Libertadores, marca o confronto de dois zagueiros indispensáveis para as equipes: Miranda e Gustavo Gómez.

Aos 36 anos, Miranda decidiu retornar para o futebol brasileiro e defender o clube que abriu as portas para que ele trilhasse uma carreira de sucesso na Europa. Nestes primeiros meses no Tricolor, o zagueiro rapidamente se transformou em um dos pilares do time comandado por Hernán Crespo, somando atuações elogiáveis.

Miranda é o capitão da equipe, líder do elenco, referência para os mais jovens e exemplo de serenidade dentro de campo. Seja sendo pressionado pelos atacantes rivais na saída de bola ou tendo de agir em uma situação de perigo criada pelo adversário, o zagueiro tricolor passa longe da afobação que comumente é vista em defensores que atuam no país.

Apresentando um nível de desempenho acima da média para o futebol nacional, Miranda figura em uma prateleira dividida com poucos atletas que jogam no país. E, sem dúvidas, Gustavo Gómez é um deles. Pelo Palmeiras, o zagueiro paraguaio já conquistou os principais títulos que poderia conquistar: Campeonato Brasileiro, Copa do Brasil e Copa Libertadores.

Gómez é quase nove anos mais jovem que Miranda, mas, assim como ele, é referência em sua equipe e um dos líderes do elenco do Palmeiras. O paraguaio também é frequentemente convocado pela seleção de seu país, algo que o zagueiro são-paulino se acostumou a viver nos últimos anos, sendo titular, inclusive, na Copa do Mundo de 2018, na Rússia.

Ambos tiveram uma passagem pelo futebol italiano. Após quatro temporadas no Atlético de Madrid, chegado à final da Liga dos Campeões e conquistando o Campeonato Espanhol, Miranda se transferiu para a Inter de Milão, onde ficou por três anos e meio. Já Gustavo Gómez foi contratado pelo Milan em 2016, mas não conseguiu se firmar no clube rossonero e acabou sendo emprestado ao Palmeiras em 2018, sendo contratado em definitivo posteriormente.

Apesar de o Palmeiras viver um momento bem superior ao do São Paulo no Campeonato Brasileiro, no Choque-Rei deste sábado tudo poderá acontecer. O resultado do clássico é imprevisível, justamente pelo fato de as equipes já terem se enfrentado na final do Campeonato Paulista e estarem prestes a jogar novamente pelas quartas de final da Copa Libertadores. Certo é que os atacantes de ambos os times terão bastante dificuldade para superar a marcação de Miranda e Gustavo Gómez, dois dos melhores zagueiros em atividade do futebol nacional.

Futebol