PUBLICIDADE
Topo

São Paulo

Ainda sem vitórias, São Paulo começa Brasileirão sofrendo com desfalques

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

11/06/2021 07h00

Classificação e Jogos

O São Paulo ainda não venceu no Campeonato Brasileiro. Recém-campeão paulista e classificado às oitavas de final da Copa do Brasil com uma goleada de respeito sobre o modesto 4 de Julho, o Tricolor escancara na competição por pontos corridos a falta que alguns atletas fazem para a equipe.

O São Paulo iniciou o Brasileirão, empatando em 0 a 0 com o Fluminense, sem dois de seus principais destaques: Daniel Alves e Martín Benítez. O camisa 10 sofreu uma entorse no joelho direito no primeiro jogo da final do Paulista, contra o Palmeiras, no Allianz Parque. Já Benítez se recupera de um estiramento muscular no adutor da coxa esquerda.

No segundo compromisso pelo Campeonato Brasileiro, contra o Atlético-GO, Hernán Crespo ganhou mais três desfalques: Luan, Liziero e Arboleda. O primeiro sofreu um edema na coxa esquerda e desde então vem fazendo um trabalho especial para voltar à ativa. Já os outros dois foram convocados para suas respectivas seleções. O resultado foi uma derrota em Goiânia por 2 a 0.

O zagueiro equatoriano, figurinha carimbada nas listas da seleção de seu país, esteve ausente para disputar as Eliminatórias Sul-Americanas. Liziero, por sua vez, participou dos dois últimos amistosos da seleção olímpica do Brasil antes dos Jogos Olímpicos de Tóquio e vive a expectativa de poder disputar o torneio.

Como a Copa América começa já neste domingo, Arboleda, convocado pelo Equador, não se reapresentou ao São Paulo, ao contrário de Liziero, que deve voltar à ativa no clube nesta sexta-feira, já que retorna da Sérvia, onde a seleção olímpica enfrentou Cabo Verde e os anfitriões.

Desta forma, o São Paulo enfrentará o Atlético-MG, neste domingo, no Mineirão, sem quatro jogadores titulares: Daniel Alves, Benítez, Luan e Arboleda. Tendo pela frente um dos candidatos ao título nacional, Hernán Crespo terá a responsabilidade de, junto com os atletas, mostrar a verdadeira força de seu elenco e, enfim, desencantar no Brasileirão.

São Paulo