PUBLICIDADE
Topo

Santos

Santos tenta, mas ainda não encontra soluções para Cleber e Rodrigão

Cleber Reis em treino pelo Santos - Ivan Storti
Cleber Reis em treino pelo Santos Imagem: Ivan Storti

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

14/05/2021 06h00

O Santos busca opções, mas encontra dificuldade para definir as situações de Cleber Reis e Rodrigão. Ambos treinam separadamente.

O time da Vila Belmiro tentou, sem sucesso, rescindir o contrato de Cleber, válido até 30 de janeiro de 2022. O clube deve valores ao zagueiro e nenhuma proposta pelo atleta chegou.

Rodrigão foi oferecido por empréstimo tanto pelo Santos quanto por seus representantes, mas não atraiu interesse. Seu vínculo termina em 31 de maio de 2022.

Contratado em 2016 junto ao Hamburgo (ALE), Cleber Reis tem 30 anos, nunca se firmou e foi emprestado para Coritiba, Paraná, Oeste e Ponte. Seu salário é um dos mais altos do clube.

Rodrigão tem 27 anos e chegou em 2016 do Campinense. Ele alternou bons e maus momentos e já foi emprestado para Bahia, Coritiba, Avaí e Ceará.

Santos