PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Reintegrado, Luiz Adriano participa de treino completo do Palmeiras para a Recopa

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

12/04/2021 14h50

Dando sequência à preparação para a decisão da Recopa Sul-Americana, contra o Defensa y Justicia, o elenco do Palmeiras treinou no CT do Brasiliense, em Brasília, na manhã desta segunda-feira. O embate contra a equipe argentina será realizado na quarta-feira, às 21h30 (de Brasília), no Mané Garrincha.

A novidade do treinamento alviverde foi a presença de Luiz Adriano. Recuperado da covid-19, o atacante juntou-se à delegação na noite de domingo e participou normalmente de toda a atividade.

Já Danilo Barbosa, único reforço do Verdão para a temporada de 2021 até o momento, segue realizando um cronograma individualizado com o Núcleo de Saúde e Performance do clube desde sua chegada ao Brasil, mas também treinou de forma integral.

Os jogadores que iniciaram a final da Supercopa do Brasil contra o Flamengo, no domingo, fizeram exercícios de musculação e recuperação física na academia. Alguns dos titulares também realizaram trabalhos de recuperação ativa no gramado, como corrida ao redor do campo, enquanto outros participaram do treino com bola.

Comandadas por Abel Ferreira e sua comissão técnica, as atividades duraram cerca de duas horas. Em um primeiro momento, o treinamento teve competições entre equipes de oito, além de um curinga, que trocavam passes em velocidade e buscavam finalizar em quatro "golszinhos" para pontuar.

Depois, times de sete se enfrentaram em campo reduzido com a participação dos goleiros. Por fim, os jogadores foram separados em campos diferentes para atividades específicas de cada posição. Enquanto os defensores trabalharam saídas de bola, os meias e atacantes tiveram ênfase nas viradas de jogo, cruzamentos e finalizações.

O último treino do Palmeiras antes da decisão da Recopa Sul-Americana será realizado na tarde de terça-feira, também no CT do Brasiliense. Como venceu o duelo de ia por 2 a 1, na Argentina, o Verdão depende de um empate para conquistar o título inédito. Já uma derrota por um gol de diferença leva o confronto para os pênaltis.

Futebol