PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Santos aprova expulsão de associado que atacou futebol feminino

Conselho Deliberativo do Santos - UOL
Conselho Deliberativo do Santos Imagem: UOL

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

01/03/2021 21h18

O Comitê de Gestão do Santos aprovou por unanimidade a expulsão do associado Sergio Ramos. O ex-conselheiro chamou o futebol feminino de lixo e sugeriu violência contra as atletas há um mês.

As declarações foram dadas em transmissão do "Blog Soul Santista" no Youtube. Sergio falou, Ian Rocha levou na brincadeira e Fabiano Reis e Wagner Dias sorriram, sem qualquer intervenção. Fabiano, inclusive, está no atual Conselho Deliberativo do Peixe.

"Campo de futebol não é lugar de mocinha. Mocinhas no campo de futebol são aquelas que a gente enche de porrada e tira de lá, porque não têm que estar lá. Futebol feminino é um lixo. Não assisto uma porcaria dessa de jeito nenhum", disse Sergio.

"Vão te xingar", alertou Ian.

"Pode xingar", respondeu Sergio.

"Isso é politicamente incorreto", completou Ian, rindo.

"Eu sou incorreto. Eu teria futebol feminino no Santos porque é obrigado. Eu iria no Bahamas, pegaria um time no Bahamas, colocaria uniforme bem coladinho. E diria para não encostar na bola, poderiam apanhar de 50 a 0 todo jogo. E eu garanto que os torcedores de todos os times torceriam para meu time do Bahamas", concluiu Sergio, em vídeo que se espalhou pelas redes sociais, citando o nome de um centro de entretenimento para adultos da capital paulista.

Vale destacar que o Santos possui um elenco feminino competitivo, inclusive com formação de atletas nas categorias de base. O Peixe tem atletas renomadas como Cristiane e homenageou a artilheira Ketlen com sua imagem no muro do CT Rei Pelé recentemente.

Pedido ao Conselho Deliberativo

Na ocasião, um requerimento pela expulsão de Sergio Ramos foi assinado por Valéria Mendes dos Santos e subscrito por outros 15 conselheiros. O pedido foi atendido.

"No último dia 30 de janeiro de 2021, durante uma Live realizada pelo BLOG SOUL SANTISTA em seu Canal no YOUTUBE, o Sr Sérgio Ramos (SERGIO EDUARDO C DE OLIVEIRA RAMOS, SÓCIO INSCRITO SOB A MATRÍCULA 34612) fez uma fala de desrespeito, misoginia e machismo, proferida contra categoria de Futebol Feminino do SANTOS FC, onde faz comentários discriminatórios, além de sexualizar nossas atletas com vocabulário bastante chulo e vulgar.

Conforme o artigo 12, nas alínea (f) e (l) é dever do associado do Santos FC, respectivamente: respeitar os membros dos órgãos do Santos e seus funcionários no exercício de suas funções; zelar pelo bom nome dos Santos e a moralidade no quadro associativo. De acordo com as penalidades previstas no Artigo 13 - os associados que infringirem as disposições deste Estatuto e dos regulamentos e as ordens emanadas dos órgãos do Santos estarão sujeitos às seguintes penalidades:

(a) advertência verbal;

(b) censura escrita;

(c) suspensão;

(d) eliminação do quadro associativo; e

(e) perda do mandato e inelegibilidade.

Sendo assim, venho pedir ao Sr Presidente da Mesa, que encaminhe esta solicitação ao Comitê de Gestão para que, junto a Divisão de Inquérito e Sindicância do Departamento Jurídico do Santos FC, faça apuração dos fatos atribuídos e passíveis de punição ao sócio envolvido, como previsto nos artigos 14, 16 e 17 de nosso Estatuto. Certa de vossa atenção, agradeço e aguardo retorno".

Assinaram o requerimento: Valéria Mendes, dos Santos, Rosangela Maria Bonano, Raissa Garcia Lopes, Sandra Helena Moreira Lima, Fábio Rosendo Pereira, Marcelo Gonzaga de Mello, David Jonatan Dias, Ronaldo Antonio Teixeira Galvanese, Eduardo RIbeiro Filetti, Gabriel Castro de Gouveia Roldão, Fabio Eduardo Gonçalves Sartori, Ernani Thiotsu Yara, Diego Oliveira Turato, Paulo Bellinassi, Jefferson Willian Moure Oliva e Rodrigo Neves Rodrigues Fernandes.

Futebol