PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Com chance de disputar presidência, reeleita Leila diz: "Degrau para outro muito maior"

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

27/02/2021 19h00

A Sociedade Esportiva Palmeiras promoveu neste sábado suas eleições ao Conselho Deliberativo de maneira presencial. Reeleita com votação expressiva na sede social do clube, a empresária Leila Pereira, proprietária da Crefisa, terá o direito de disputar o próximo pleito presidencial.

Do total de 3.595 votos registrados na eleição, Leila recebeu 387, o que garante o segundo mandato como conselheira e a possiblidade de participar das eleições presidenciais marcadas para o fim de ano. Questionada sobre seu próximo passo, ela desconversou, mas indicou que tem ambições maiores.

"Claro que tem (próximo passo), mas deixa eu comemorar primeiro essa eleição tão bacana, com esse número de votos tão relevante. Isso é só um degrau para outro muito maior, mas depois a gente conversa sobre esse assunto", afirmou a conselheira e empresária.

A chapa Palestra Itália, integrada por Leila Pereira, recebeu 1.775 votos e elegeu 38 conselheiros. Já a chapa Todos Palmeiras recebeu 1.148 votos e elegeu 24 conselheiros, enquanto a União Verde e Branca Itália recebeu 654 votos e elegeu 14 conselheiros.

"Continuo sendo a conselheira mais votada da história do Palmeiras. Então, isso me enche de orgulho", disse Leila. "Estou extremamente feliz. Nunca sabemos o que vai sair de uma urna, mas acho que esse é o reconhecimento de todo um trabalho nos seis anos de parceria das nossas empresas com o Palmeiras", afirmou.

José Roberto Lamacchia, marido de Leila Pereira, recebeu 51 votos e também foi reeleito. Neste domingo, as atenções no clube estarão voltadas à primeira partida pela final da Copa do Brasil, já que o Palmeiras enfrenta o Grêmio às 21 horas (de Brasília), na Arena do Grêmio.

Futebol