PUBLICIDADE
Topo

São Paulo

Daniel Alves e Gerson voltam a se encontrar em duelo de alto nível

Gérson e Daniel Alves disputam bola durante São Paulo x Flamengo - Marcello Zambrana/AGIF
Gérson e Daniel Alves disputam bola durante São Paulo x Flamengo Imagem: Marcello Zambrana/AGIF

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

25/02/2021 07h00

Daniel Alves e Gerson protagonizaram três duelos particulares acima da média nos confrontos entre São Paulo e Flamengo desta temporada. Nesta quinta-feira (25), no Morumbi, com o título do Brasileirão em jogo para o lado rubro-negro, os meio-campistas se enfrentarão tendo objetivos diferentes, mas certamente com a mesma vontade de vencer.

No primeiro duelo entre Daniel Alves e Gerson na temporada, no primeiro turno do Campeonato Brasileiro, ambos receberam cartão amarelo por causa de uma discussão. Os dois tiveram um diálogo ríspido, mas não passou disso. O camisa 10 tricolor ainda marcou um pênalti em cima do volante rubro-negro, mas Pedro não converteu, e o São Paulo acabou levando a melhor por 4 a 1.

No segundo encontro, pela ida das quartas de final da Copa do Brasil, Daniel Alves e Gerson protagonizaram um embate tão intenso quanto o último, mas um pouco menos enérgico. Novamente o São Paulo venceu no Maracanã, desta vez por 2 a 1.

Na volta, no Morumbi, Daniel Alves foi um dos melhores jogadores em campo e participou intensamente para que o São Paulo saísse de campo com a vitória por 3 a 0 e a classificação para a semifinal da Copa do Brasil. Mas, mesmo com toda a disputa entre as equipes e, particularmente, com Gerson, o capitão tricolor pregou bastante respeito ao seu oponente pelas redes sociais.

Daniel Alves fez questão de reconhecer o bom confronto com Gerson (Foto: Reprodução/Instagram)

O duelo particular entre Gerson e Daniel Alves foi até motivo de briga entre o rubro-negro e o técnico Mano Menezes, que à época treinava o Bahia. Ao alegar que havia sido vítima de um ato racista por parte de Ramírez, Gerson ouviu do treinador adversário as seguintes palavras: "Tem que tomar bico do Daniel [Alves] mesmo, tem que tomar bico do Daniel, que é mais malandro que tu".

Ao fim do jogo, Gerson respondeu: "O Mano até falou 'Ah, agora você é vítima, né? O Daniel Alves te atropelou e você não falou nada'. Claro, porque teve respeito, eu e ele".

São Paulo