PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Ramiro comemora vitória sobre o líder Internacional: "Postura de Corinthians"

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

31/10/2020 21h12

O Corinthians teve apenas dois dias de preparação após a derrota no jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil, contra o América-MG. Com mudanças na equipe, destaque para Matheus Davó no ataque, o Timão entrou em campo neste sábado contra o líder do Campeonato Brasileiro, o Internacional, e contra todas as apostas saiu de campo com a vitória por 1 a 0.

Ramiro, titular neste sábado, não escondeu a satisfação com o triunfo sobre um dos times favoritos ao título brasileiro, reconhecendo que ainda é preciso encontrar a tão sonhada regularidade, mas sem esquecer de exaltar o comportamento da equipe contra o líder da competição.

"Postura é nome da partida que tivemos hoje, postura de Corinthians, que em algumas partidas não desempenhamos da forma que queríamos. Mas, estamos em busca disso. Hoje estamos de parabéns pela entrega, determinação, tanto de quem começou jogando como de quem entrou. Mérito de todos", disse Ramiro ao Premiere.

Neste sábado, o volante corintiano foi protagonista de uma das principais chances do Corinthians na partida. Aos 32 minutos, o volante dividiu com Marcelo Lomba dentro da área, a bola sobrou para Luan, que marcou o gol, mas o árbitro anulou a jogada por infração em cima do goleiro colorado.

"Não foi falta minha, nem dele. Disputa de bola. Fui pra finalizar, fazer o gol, e ele saiu pra defender a meta dele. Não sei como terminou a jogada, acabei torcendo o tornozelo. É um jogo de contato, faz parte do esporte, e a gente fica feliz pela vitória", concluiu Ramiro.

Agora, o Corinthians, mais confiante com a vitória sobre o Internacional, volta o foco para o jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil, contra o América-MG, em Belo Horizonte. O time comandado por Vagner Mancini precisa reverter a vantagem de 1 a 0 do time mineiro para se classificar à próxima fase e amenizar ainda mais a enorme pressão que havia sobre o elenco até alguns dias atrás.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL.

Futebol