PUBLICIDADE
Topo

Série B - 2022

Pezzolano reage à polêmica do VAR em jogo do Cruzeiro: "Horror em campo"

Linha do VAR causou polêmica em Ituano x Cruzeiro, jogo da Série B do Campeonato Brasileiro - Reprodução/Premiere
Linha do VAR causou polêmica em Ituano x Cruzeiro, jogo da Série B do Campeonato Brasileiro Imagem: Reprodução/Premiere

Colaboração para o UOL, em Belo Horizonte, MG

05/07/2022 22h12

Classificação e Jogos

O técnico Paulo Pezzolano não ficou nada satisfeito com a anulação do gol de Edu no primeiro tempo do empate entre Cruzeiro e Ituano em 1 a 1, hoje (5), em jogo adiado da 14ª rodada da Série B. A CBF disponibilizou a imagem das linhas traçadas pela cabine do VAR para justificar a posição irregular do atacante, mas que foram muito questionadas pela comissão técnica e pelos jogadores, que tiveram acesso ao recorte no vestiário durante o intervalo. O clube também se posicionou nas redes sociais ironizando o lance.

Após a partida, o treinador disse que não acredita que o erro tenha sido só por incompetência apenas e classificou a atuação da arbitragem como um "horror" em campo.

"Não acredito que tenha sido um erro por incompetência. Eu acho que é um erro que não pode existir. O cara está com um computador, sentado para ver isso, mas não vê. É um erro muito grande. Aqui no Cruzeiro estamos jogando em busca do acesso, não viemos jogar um jogo por jogar. Não é um erro. Mas não só isso, foram muitas jogadas no campo. Amarelos toda hora para nós. Deu um para o Luvannor. Você acha que ele não sabia que era o terceiro dele? Sabe. Amarelo para Geovane sem fazer falta, para Bock por uma falta pequena lá atrás. Eu não acho que é sem querer, eu acho que tem outra coisa aí. Mas temos que seguir melhorando dentro de campo porque não gosto de desculpas. Apesar desse horror dentro do campo, fomos superiores e poderíamos ter vencido o jogo. Com isso fico tranquilo", desabafou.

Aos 44 minutos da primeira etapa, Edu recebeu cruzamento pela esquerda e, de carrinho, balançou as redes para o time visitante pouco antes dos acréscimos da etapa inicial. O bandeirinha, no entanto, observou impedimento. Janette Mara Arcanjo, comentarista de arbitragem do Premiere no jogo, classificou a decisão de Pathrice Wallace Corrêa Maia como equivocada durante a transmissão.

"Por essa imagem disponibilizada, para mim é incorreto [anular o lance]. Tem um pé direito [de um jogador do Ituano] que poderia habilitar o jogador do Cruzeiro", iniciou ela antes de explicar as cores traçadas. O vermelho é o ombro do Edu, que é a linha do atacante. Na linha do defensor, no mínimo, poderia ter sido utilizada a câmera invertida para pegar melhor o posicionamento do defensor. Para mim, está traçada de maneira incorreta no defensor", explicou.

Depois do jogo, o Cruzeiro ironizou novamente a arbitragem ao postar sobre o placar da partida.