PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Inter busca feito que não atinge há 12 anos para evitar rombo de R$ 18 mi

O Inter de Edenilson (foto) briga por vaga nas quartas de final da Sul-Americana - Maxi Franzoi/AGIF
O Inter de Edenilson (foto) briga por vaga nas quartas de final da Sul-Americana Imagem: Maxi Franzoi/AGIF

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

05/07/2022 04h00

Classificação e Jogos

O Internacional tem um jogo muito importante e difícil pela frente. Hoje (5), o Colorado precisa vencer o Colo-Colo por três ou mais de diferença para ir às quartas de final da Copa Sul-Americana sem a necessidade dos pênaltis. Um infortúnio no Beira-Rio vai gerar prejuízo de R$ 18 milhões no orçamento, e para avançar é necessário repetir algo que não ocorre há 12 anos.

O cálculo de prejuízo em caso de eliminação tem por base os objetivos definidos pelo Inter no início do ano. O time gaúcho planejava avanço até as quartas de final da Copa do Brasil e semifinais da Sul-Americana.

Na competição nacional de mata-mata, caiu na primeira fase para o Globo-RN, deixando de ganhar R$ 10,5 milhões do previsto. Se cair do torneio continental agora, terá deixado de receber US$ 1,4 milhão (cerca de R$ 7,4 milhões) que esperava ganhar (US$ 600 mil das quartas de final e US$ 800 mil da semifinal). A soma dá aproximadamente R$ 18 milhões.

Mas não é nada disso que passa na cabeça dos mais de 40 mil torcedores do Inter que transformarão a casa vermelha num 'caldeirão' na noite de hoje. Com a ação chamada 'Ruas de Fogo' e o estádio perto de sua capacidade máxima, o plano é empurrar os comandados de Mano Menezes para um feito que não acontece há muito tempo.

Em competições continentais, o Colorado não reverte uma desvantagem de dois gols em mata-mata desde a Libertadores de 2010, quando conquistou o bi da América. Na ocasião, perdeu para o Banfield por 3 a 1, no duelo de ida das oitavas de final. Em casa, fez 2 a 0 e avançou graças ao saldo qualificado, quesito que não consta no regulamento da Sul-Americana deste ano. O jogo foi em maio daquele ano, completou há pouco tempo 12 anos.

"Estamos muito agradecidos pelo apoio da torcida e totalmente focados no jogo. Sabemos que o que nos cabe é classificar e vamos em busca disso", disse o zagueiro Gabriel Mercado.

FICHA TÉCNICA:

INTERNACIONAL x COLO-COLO
Data e horário: 05/07/2022 (terça-feira), às 21h30 (de Brasília)
Local: estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)
Transmissão na TV: Conmebol TV
Árbitro: Dario Herrera (ARG)
Auxiliares: Gabriel Chade e Maximiliano Del Yesso (ambos argentinos)
VAR: Mauro Vigiliano (ARG)

INTERNACIONAL: Daniel; Heitor (Bustos), Mercado, Vitão e Moisés; Gabriel, De Pena, Edenilson, Pedro Henrique e Alan Patrick; Alemão. Técnico: Mano Menezes.

COLO-COLO: Cortés; Opazo, Falcón, Zaldivia e Suazo; Fuentes, Pávez, Solari, Leonardo Gil e Gabriel Costa; Lucero. Técnico: Gustavo Quinteros.

Internacional