PUBLICIDADE
Topo

Corinthians

Cássio mostra confiança e vê Corinthians pronto para "batalha" na Argentina

Cássio volta a enfrentar o Boca Juniors dez anos depois de ser campeão da Libertadores sobre os argentinos - Rodrigo Coca / Ag. Corinthians
Cássio volta a enfrentar o Boca Juniors dez anos depois de ser campeão da Libertadores sobre os argentinos Imagem: Rodrigo Coca / Ag. Corinthians

Do UOL, em São Paulo

04/07/2022 16h40

Classificação e Jogos

Dez anos após ser campeão da Libertadores sobre o Boca Juniors, o goleiro Cássio amanhã (5) reencontra o adversário argentino em mais uma decisão. Mesmo com desfalques importantes e tendo que vencer na Argentina, o ídolo do Corinthians mostra confiança na classificação às quartas de final.

"Nunca tivemos dúvidas de onde podemos chegar, que podemos classificar. Estamos preparados, trabalhamos e tentamos ajustar algumas situações. É positivo. Felizmente alguns jogadores conseguiram se recuperar e vão poder viajar com a gente; quem não vai tentou estar com a equipe até o último minuto. Estamos preparados. É uma decisão, jogo grande. Em mata-mata, não tem muito o que escolher ou falar, é ir para a batalha", resumiu o goleiro em declaração divulgada hoje (4) pelo clube nas redes sociais (assista mais abaixo).

O goleiro está no Corinthians há uma década e, com 598 jogos pelo clube, está a apenas um de se tornar o quarto jogador da história que mais vezes vestiu a camisa alvinegra. Ele deve ultrapassar Zé Maria na Bombonera e também está próximo de Ronaldo Giovanelli (602) e Luizinho, o Pequeno Polegar (606). Em dia de decisão, porém, Cássio tem a mesma ansiedade de dez anos atrás.

"A gente vem amadurecendo, evoluindo. Isso faz parte da rotina do jogador, mas quando eu perder isso, está na hora de encerrar o ciclo. Não tem essa [diferença] de jogar um jogo na Bombonera para jogar um do Paulista: a dedicação e o empenho têm que ser iguais", explica o goleiro.

Cássio tem tudo para ser titular do Corinthians contra o Boca Juniors, a partir das 21h30 (de Brasília) de amanhã (5), na Bombonera, no jogo de volta das oitavas de final da Copa Libertadores. Quem vencer se classifica, e um empate leva tudo aos pênaltis, sem prorrogação.

A libertação corintiana

Dez anos depois do primeiro título do Corinthians na Copa Libertadores, o UOL lança "A libertação corintiana", um documentário que reúne as histórias nunca contadas daquela partida. Produzido por MOV, a produtora audiovisual do UOL, o filme está disponível para assinantes do UOL Play.

Corinthians