PUBLICIDADE
Topo

Grêmio

Grêmio: Roger encara empate com naturalidade e diz que criação não preocupa

Roger Machado, técnico do Grêmio, encarou empate contra o Bahia com naturalidade - Pedro H. Tesch/AGIF
Roger Machado, técnico do Grêmio, encarou empate contra o Bahia com naturalidade Imagem: Pedro H. Tesch/AGIF

Do UOL, em Porto Alegre

03/07/2022 18h54

Classificação e Jogos

O Grêmio empatou em 0 a 0 com o Bahia, pela 16ª rodada da Série B. Depois da partida, o técnico Roger Machado encarou o resultado com naturalidade e disse que a pouca criação do setor ofensivo não preocupa.

"Não imaginávamos fazer um jogo contra um adversário direto, aspirante às primeiras posições, em que fôssemos dominar o tempo todo. Quando não se tem controle do jogo, é importante defender bem. Com exceção ao fim do jogo, quando as trocas empurraram o Bahia para a frente, tivemos o controle do jogo. Foi um primeiro tempo muito bom, com controle técnico do jogo e posse, volume, mas poucas oportunidades. Temos que valorizar esta atuação e o resultado, contra um adversário forte, jogando dentro da sua casa, motivado pela troca de comando, e que está numa posição acima da gente na tabela", explicou Roger.

Ainda que tivesse domínio em alguns momentos, o Grêmio criou pouco, a exemplo do Bahia. As melhores oportunidades aconteceram no segundo tempo, quando Gabriel Grando evitou gols de Rodallega, e Davó acertou a trave. O time gaúcho, poucas vezes chegou.

Ainda assim, Roger não se diz preocupado com a baixa taxa de produtividade de sua equipe.

"Não me preocupa. No outro jogo, criamos muito. Hoje jogamos contra um adversário que bloqueou nossas ações. Se ficarmos excessivamente no evento de hoje, fora, contra um time qualificado que busca o mesmo que a gente, não criamos tantas chances. Mas, não me preocupa no geral até este momento", opinou.

Com 26 pontos, a equipe de Porto Alegre ocupa o quarto lugar na Série B. O próximo jogo será na sexta-feira, contra o Náutico.

Grêmio