PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Cachorro invade gramado e ganha carinho de jogadoras em amistoso; veja

Um cachorro invadiu o amistoso de futebol feminino entre Chile e Venezuela e fez a festa - Reprodução
Um cachorro invadiu o amistoso de futebol feminino entre Chile e Venezuela e fez a festa Imagem: Reprodução

Colaboração para o UOL, em São Paulo

26/06/2022 11h31

Classificação e Jogos

Uma cena inusitada marcou o duelo entre as seleções femininas de Chile e Venezuela, ontem, em um amistoso preparatório para a Copa América: um cachorro entrou em campo, paralisou o jogo e se deitou na grande área, onde recebeu o carinho de algumas atletas chilenas e da árbitra da partida.

O jogo, realizado no Estádio Bicentenário La Granja, em Curicó, no Chile, terminou com vitória das venezuelanas por 1 a 0, com gol de Mariana Speckmaier, aos 37 minutos do segundo tempo.

A cena curiosa, porém, aconteceu ainda na primeira etapa. Aos 36 minutos, um cachorro preto entrou em campo e se deitou na grande área. A goleira Christiane Endler acariciou o animal por algum tempo, enquanto sua colega de time, a zagueira Opazo e a árbitra da partida se aproximavam para tentar encontrar uma solução.

Ao perceber a chegada de Opazo, o animal se levantou e correu até encontrar a árbitra, que também não se conteve e acariciou o cão, após vê-lo se deitar mais uma vez. Incansável, Opazo voltou à cena para tentar tirar o cachorro - carregando-o, em um primeiro momento, e depois tentando conduzi-lo em uma corrida até a linha de fundo, acompanhada por uma mulher da organização da partida.

Nada feito. O cão conseguiu resistir a mais uma ação e seguiu em campo, correndo em direção ao círculo central e, na sequência, à linha lateral, onde as jogadoras do Chile estavam reunidas com o treinador, aproveitando a pausa. O cão ainda voltou ao gramado mais uma vez e ganhou carinho de mais uma atleta do Chile, até que mais funcionários chegaram para, enfim, detê-lo.

Copa América Feminina

Vencedora do duelo, a Venezuela está no Grupo B da Copa América, o mesmo do Brasil - e de Argentina, Peru e Uruguai. No Grupo A estão Bolívia, Chile, Colômbia, Equador e Paraguai.

O torneio será disputado entre os dias 8 e 30 de julho, na Colômbia. As três melhores seleções da competição garantem vaga direta à Copa do Mundo de 2023, na Austrália.

Futebol