PUBLICIDADE
Topo

Flamengo

Marinho chora ao marcar primeiro gol pelo Fla no Maracanã: 'É de desabafo'

Marinho, atacante do Flamengo, em jogo contra o Fluminense, pelo primeiro jogo da final do Campeonato Carioca - Thiago Ribeiro/AGIF
Marinho, atacante do Flamengo, em jogo contra o Fluminense, pelo primeiro jogo da final do Campeonato Carioca Imagem: Thiago Ribeiro/AGIF

Letícia Marques

Do UOL, no Rio de Janeiro

25/06/2022 21h32

Classificação e Jogos

Na noite de hoje (25), o Flamengo venceu o América-MG por 3 a 0, pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro. O resultado espanta a má fase do elenco, que vinha de cinco derrotas em seis jogos. A partida marcou também a redenção de Marinho, que balançou as redes pela primeira vez desde sua estreia em fevereiro. O camisa 31 chorou durante a comemoração.

Marinho precisou de poucos minutos em campo para marcar. O jogador fez uma jogada individual bem característica na sua carreira, chutou de fora da área e acertou o 'mini-míssel'. O camisa 31 tem recebido oportunidade com Dorival Júnior, que pode ser a virada de chave do atleta no Rubro-Negro.

"Não tem sido fácil. Ter a oportunidade de vestir essa camisa é um privilégio. O choro é de desabafo porque eu estou trabalhando muito. Eu trabalho quietinho, respeitando todo mundo. Dorival falou que vai me dar oportunidade e eu estava precisando disso. Eu não sou craque, mas sou dedicado. É um privilegio vestir a camisa do Flamengo e vou fazer tudo para dar alegria ao torcedor. Pai, o gol é para você. Para a minha família também, minha esposa e minha filha estão aqui", disse ao deixar o gramado.

Com o novo técnico, Marinho recebeu oportunidade em três dos quatro jogos. Durante a passagem de Paulo Sousa, o atacante não teve vida fácil e, apesar de ser acionado em algumas oportunidades, acabou atuando fora de posição. Não à toa, o camisa 31 relembro o momento e projetou o futuro.

"Vocês acompanharam a minha chegada. Fiz gol na estreia e depois as coisas não aconteceram. Não vou voltar ao que aconteceu lá atrás. Mas agora voltei a ter oportunidade onde jogo e sempre joguei. Estou no Flamengo pelo que fiz no Santos jogando daquele lado", desabafou Marinho.

O primeiro gol do jogador com a camisa do Flamengo no Maracanã aconteceu em seu 22º jogo no clube. Além dos dois tentos, o atacante possui duas assistências. Agora, com Marinho à disposição, o Flamengo se prepara para encarar o Tolima, na quarta-feira (29), na Colômbia, pela Libertadores.

Flamengo