PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Tite dá folga, e Neymar leva seleção brasileira para o parque de diversão

Danilo Lavieri

Do UOL, em Seul (Coreia do Sul)

29/05/2022 05h40

A seleção brasileira teve a tarde de sábado de folga em Seul, na Coreia do Sul. Logo depois de treinar, o time foi liberado para curtir e a primeira opção de Neymar foi um parque de diversões.

Distante a 1h30 da capital do país, o local tem uma montanha russa como uma das principais atrações. O camisa 10 da seleção chorou de tanto rir ao lado de alguns nomes como Paquetá, Raphinha, Marquinhos, Thiago Silva, Richarlison, Alex Sandro, Alex Teles, Fred, Martinelli, Bruno Guimarães e Matheus Cunha.

Gabriel Magalhães deu entrevista neste domingo após o treino e admitiu que estava com medo da atração. "Foi a primeira e a última vez que eu vou. O Neymar falou lá: todo mundo vai ter que ir. Só fechei o olho e gritei. Se não gritar é pior", disse ele aos risos. "Eu falei que não ia no começo e acabei indo duas vezes. Foi legal o passeio. Mas quem voa é pássaro", completou para arrancar risos dos presentes.

Como não poderia ser diferente, a presença dos jogadores no local causou comoção e deu trabalho aos seguranças da delegação, mas nada aconteceu além de pedido de fotos e autógrafos.

A folga também serviu para a comissão técnica, que também aproveitou para dar uma volta pelas ruas da capital. O Brasil joga contra os donos da casa no dia 2 de junho e tem chamado cada vez mais a atenção dos locais.

A seleção aproveita para sair do hotel na Coreia do Sul, porque no Japão o time terá que cumprir regras de uma bolha sanitária sem poder sair do quarto para nada além de se alimentar, treinar e jogar.

Futebol