PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Como Tite, Neymar e cia vão assistir à Champions na madrugada da Coreia

Tite conversa com membros da comissão técnica durante treino da seleção em Seul - Lucas Figueiredo/CBF
Tite conversa com membros da comissão técnica durante treino da seleção em Seul Imagem: Lucas Figueiredo/CBF

Danilo Lavieri

Do UOL, em Seul (Coreia do Sul)

28/05/2022 07h24

A final da Liga dos Campeões é o principal momento do futebol de clubes de todo o mundo. Qualquer um que gosta de futebol para o que estiver fazendo para assistir. Vai ser assim com os convocados da seleção brasileira e membros da comissão, mas com um detalhe: às 4h da manhã de sábado para domingo.

Por conta do fuso horário em Seul, na Coreia do Sul, os que forem assistir ao jogo entre Liverpool e Real Madrid que será disputado em Paris, na França, vão precisar madrugar ou colocar o despertador para tocar. Até por conta disso, não haverá nenhum evento para reunir os que estão em solo asiático. Cada um vai ficar no seu quarto.

É recorrente que a final da Liga aconteça em uma data Fifa, quando a seleção está reunida. Em outras ocasiões, a comissão e os jogadores normalmente se juntam para acompanhar ao evento, mas isso não se repetirá.

A programação para o dia seguinte, aliás, será diferente. Depois de dois treinos pela manhã na sexta e no sábado, Tite comandará a sua atividade de domingo (29) na parte da tarde, por volta das 17h (horário de Seul), agenda que se repetirá na segunda-feira.

Por conta da final da Liga, a seleção só ficará completa no dia 31 de maio, na antevéspera do confronto contra a Coreia do Sul. O grupo ficará completo com a chegada de Casemiro, Éder Militão, Rodrygo, Vini Jr., Alisson e Fabinho. Resta saber quem vai chegar feliz e quem chega triste.

Hoje, em entrevista coletiva, Matheus Cunha já declarou a sua torcida para o Liverpool por conta da rivalidade de sua equipe, o Atlético de Madri, com o Real.

Futebol