PUBLICIDADE
Topo

Futebol

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Juca Kfouri: Corinthians beirou o ridículo contra o Always Ready

Do UOL, em São Paulo

27/05/2022 15h12

Classificação e Jogos

O Corinthians vai reencontrar o Boca Juniors nas oitavas de final da Libertadores depois de dois jogos contra o time argentino na fase de grupos, mas terá a definição do confronto fora de casa, já que não conseguiu vencer em casa o Always Ready ontem (26), na Neo Química Arena, pela última rodada da fase de grupos, mesmo com o time boliviano escalado com reservas por já estar previamente eliminado.

No podcast Posse de Bola #231, Juca Kfouri afirma que o Corinthians beirou o ridículo e esteve perto de protagonizar um de seus maiores vexames na história da Libertadores.

"Mata-mata tudo pode, é capaz de amanhã o Corinthians passar pelas oitavas e um gênio da comissão técnica ou da direção do Corinthians fazer os críticos engolirem as críticas, mas o fato objetivo é que o resultado de ontem foi frustrante e mais do que frustrante, o Corinthians beirou o ridículo, o Corinthians beirou o abismo, o Corinthians beirou um dos maiores vexames da sua história", diz Juca.

"Até a eliminação na pré-Libertadores pelo Tolima, hoje, olhando na perspectiva histórica, você fala 'olha, aquilo ali foi um alerta, o Tolima não é aquilo que se imaginava. Está aí, ganhou do Galo, quebrou uma invencibilidade do Atlético-MG de 18 jogos na Libertadores, e o Tolima é do futebol colombiano", completa.

O jornalista afirma que o mata-mata da competição é outro panorama e tudo pode mudar, mas que não é digno de um time como o Corinthians o desempenho que teve diante do Always Ready.

"Cá entre nós, o Always Ready reserva, da Bolívia, fez quatro pontos em cima do Corinthians, só fez gol fora de casa no Corinthians, só ganhou do Corinthians. Não, convenhamos que isto não habilita o Corinthians para as oitavas de final da Libertadores. Agora mata-mata é mata-mata não sou eu que preciso dizer para ninguém o que acontece em mata-mata", conclui.

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas e sextas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter).

A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts. Você pode ouvir, por exemplo, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts, Amazon Music e Youtube --neste último, também em vídeo. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

Futebol