PUBLICIDADE
Topo

Futebol

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Vitão lista erros no Brasileirão e detona o VAR da CBF: 'O pior do mundo'

Colaboração para o UOL, do Recife

24/05/2022 04h00

Classificação e Jogos

O fim de semana de Brasileirão ficou marcado mais uma vez por polêmicas em relação aos critérios do árbitro de vídeo. Em dois jogos, Santos x Ceará e Fortaleza x Fluminense, o VAR foi acionado em lances que geraram muita discussão. Em ambos, gols foram anulados por conta de faltas cometidas (e não marcadas em campo) no início dos lances. Mas até onde se pode "rebobinar" uma jogada de futebol? A CBF precisa rever os critérios e protocolos do VAR no Brasil?

Na Live do Danilo e do Vitão, transmitida pelo UOL Esporte toda segunda, quarta e sexta às 15h, os jornalistas Danilo Lavieri e Vitor Guedes destacaram a falta de critério na utilização do VAR. Crítico da iniciativa, Vitão listou o que acredita ser uma série de erros dos árbitros de vídeo no Brasileirão e detonou a anulação dos gols nas duas partidas citadas acima. Para ele, aliás, o Santos é o clube mais prejudicado pela arbitragem até aqui no campeonato.

"Em Santos e Ceará foi um escândalo o que aconteceu. Foi um lance de dividida antes do meio de campo, passa 200 jogadas, tem bola aberta na esquerda, vem o cruzamento e sai o gol. E o VAR piora, no áudio você vê que o cara ficou caçando assunto para ver se achava alguma coisa. É uma vergonha e que muda a tabela, o Santos estaria no G-4. Achei absurdo."

"O Santos foi garfado de novo, essa coisa que o VAR tira e o VAR dá é balela. É a terceira vez nesse campeonato que o Santos é bastante prejudicado: contra o Fluminense foi um pênalti não dado no fim do jogo e contra o São Paulo teve um pênalti claro no final do jogo que o VAR não chamou. Isso sem contar outras competições, só no Brasileirão."

Marcação do VAR na anulação do gol de Cano em Fortaleza x Fluminense - Reprodução/CBF - Reprodução/CBF
Marcação do VAR na anulação do gol de Cano em Fortaleza x Fluminense
Imagem: Reprodução/CBF

Vitão também discordou da anulação do gol de Cano, do Fluminense, contra o Fortaleza. Para ele, o atacante argentino estava na mesma linha do defensor, portanto em situação legal, e a imagem cedida pela CBF não esclarece a posição irregular (veja ao lado).

Ele comparou o caso ao gol anulado de Gabigol, no jogo do Flamengo contra o Botafogo em Brasília, e criticou ainda outra decisão polêmica da arbitragem no Castelão — gol anulado do Fortaleza em mais um lance com o VAR "rebobinando a fita".

"Em Botafogo e Flamengo, claramente Gabigol estava legal, assim como esse gol do Fluminense. É um escândalo a imagem, ficou claro que o lance foi legal. E o gol anulado do Fortaleza foi bizarro também, porque a falta foi na linha de fundo, sai o contra-ataque, o gol sai do outro lado, aí o VAR chama e rebobina, é ridículo. Esse jogo teve dois lances mal anulados, um para cada time."

Ou seja, não se trata de má-fé, mas de falta de competência. Vitão classificou o VAR brasileiro como "o pior do mundo" e afirmou que as mudanças excessivas nos protocolos e orientações de arbitragem confundem o torcedor, que não sabe mais interpretar lances de bola na mão, por exemplo. Para ele, o futebol é um jogo subjetivo e o excesso de interferência do árbitro de vídeo prejudica a dinâmica de campo.

"Aqui é o pior VAR do mundo, tanto que ninguém vai para a Copa do Mundo. O futebol é feito para o público, que tem que saber o que está acontecendo. É ridículo, não dá mais para acompanhar a mudança de regras a cada cinco dias, o futebol teve a mesma regra durante 100 anos e agora a gente quer mudar a cada semana. Impedimento é matemática, só que agora a gente discute mais do que antes."

"O futebol é subjetivo, não é vôlei nem tênis, que é bola dentro e bola fora, a maioria dos lances são interpretativos. O futebol não nasceu para o VAR, vai ter um gol na banheira que ele vai corrigir, só que o ganho é menor que o prejuízo. Não vale o preço, é muito pouco ganho perto de tanto prejuízo nos jogos", concluiu o colunista do UOL.

A próxima edição da Live do Danilo e do Vitão será na quarta (25). Você pode acompanhar a live pelo Canal UOL, no app Placar UOL, na página do UOL Esporte ou no canal do UOL Esporte no Youtube.

Futebol