PUBLICIDADE
Topo

Corinthians

Corinthians: Luan e João Pedro reintegrados, e Cássio na fisioterapia

Róger Guedes e Luan durante atividade no CT Joaquim Grava  - Rodrigo Coca/ Ag. Corinthians
Róger Guedes e Luan durante atividade no CT Joaquim Grava Imagem: Rodrigo Coca/ Ag. Corinthians

Yago Rudá

Do UOL, em São Paulo

24/05/2022 16h18

Classificação e Jogos

O Corinthians voltou hoje (24) aos treinos com bola no CT Joaquim Grava após o empate do último domingo, com o São Paulo, em 1 a 1. A novidade do dia ficou por conta dos retornos do meio-campista Luan, recuperado de um incômodo na região do quadril, e também do lateral-direito João Pedro, livre das dores musculares que o tiraram dos últimos jogos. O goleiro Cássio segue com a equipe de fisioterapia e é dúvida para o duelo da próxima quinta (26), contra o Always Ready, pela Copa Libertadores.

O departamento médico e a equipe de preparação física liberaram Luan e João Pedro para os trabalhos com bola sem qualquer tipo de restrição de movimentos. Os dois agora estão sob supervisão do técnico Vítor Pereira e participaram hoje da atividade tática e também dos exercícios de ataque com passes, triangulações, cruzamentos e chutes ao gol.

O goleiro Cássio não chegou a ir a campo e ficou na academia trabalhando com os fisioterapeutas do clube para se recuperar da subluxação no ombro esquerdo, lesão sofrida nos minutos finais do Majestoso. Já o lateral Fagner segue em transição física e também é dúvida para o joog da próxima quinta-feira valendo vaga às oitavas de final da Copa Libertadores.

Para completar a atividade no CT Joaquim Grava, a comissão técnica convocou os zagueiros Alemão e Robert Renan (2003); o lateral-esquerdo Vitor Meer (2004); e os meio-campistas Breno Bidon (2005), Matheus Araújo (2002) e Ryan (2003) — todos atletas das categorias de base do Alvinegro.

Amanhã pela tarde, o Corinthians realiza o último treinamento antes do duelo com o Always Ready, na Neo Química Arena. O confronto acontece na quinta, às 21h (de Brasília), e o Timão precisa de apenas um empate para assegurar a classificação ao mata-mata da Copa Libertadores.

Corinthians