PUBLICIDADE
Topo

Atlético-MG

Com mais títulos e gols, Hulk está perto de marca de R10 no Atlético-MG

Hulk possui cinco títulos pelo Atlético-MG - Pedro Souza/Atlético-MG
Hulk possui cinco títulos pelo Atlético-MG Imagem: Pedro Souza/Atlético-MG

Lohanna Lima e Victor Martins

Colaboração para o UOL, em Belo Horizonte, MG

24/05/2022 04h00

Idolatrado pelo torcedor do Atlético-MG e dono de marcas coletivas e individuais, Hulk está próximo de se igualar a um dos maiores jogadores do clube alvinegro em número de jogos. Se entrar em campo diante do Tolima, amanhã (25), pela Libertadores, o atacante completará 88 jogos - mesma quantidade de vezes que Ronaldinho Gaúcho jogou com a camisa do Galo. No entanto, mesmo com menos partidas, Hulk já possui mais conquistas e participações em gols que R10 em sua passagem por Belo Horizonte.

Em campo, Ronaldinho levantou os troféus do Campeonato Mineiro e da Libertadores de 2013, além da Recopa de 2014. Foram 28 gols e 32 assistências na passagem que se iniciou em junho de 2012 e terminou em agosto de 2014. Dos 88 jogos disputados, três foram amistosos na China que ocorreram cerca de um mês antes de sua despedia. Na ocasião, o meia foi a principal atração para os torcedores que prestigiaram a presença do Galo no país. O jogador foi recebido com festa no aeroporto de Xangai.

Hulk, por outro lado, chegou ao clube quase uma década depois e já construiu o seu legado. Com a camisa alvinegra, conquistou duas edições do Campeonato Mineiro (20221 e 2022), o Campeonato Brasileiro e a Copa do Brasil do ano passado, além da Supercopa deste ano. São 54 gols, 14 assistências e uma idolatria que ainda não tinha sido vista nos últimos anos pós-Ronaldinho.

Mudança de filosofia

Ronaldinho Gaúcho mudou não só o patamar do Atlético com suas conquistas, mas também a filosofia do clube. A presença do jogador, reconhecido mundialmente, fez com que o Atlético iniciasse investidas mais ousadas no mercado ao longo dos anos, depois de entender a importância de possuir jogadores de renome no elenco, que entregassem resultados técnicos e também comerciais. Prova disso, é que R10 foi precursor para atletas que vieram depois, como Fred, Lucas Pratto, Nacho Fernandez e o próprio Hulk.

Ronaldinho  - Bruno Cantini/Site do Atlético-MG - Bruno Cantini/Site do Atlético-MG
30 jul 2014 - Ronaldinho Gaúcho e Alexandre Kalil durante a entrevista coletiva que marcou a despedida do jogador do Atlético-MG
Imagem: Bruno Cantini/Site do Atlético-MG

Marcas pessoais

Hulk está próximo de atingir mais uma conquista pessoal. Com dez gols marcados na Libertadores, o jogador está a um de alcançar Jô, maior goleador do torneio continental pelo Galo, com 11. Nesta edição do Brasileirão, Hulk vem brigando pela artilharia com Calleri, do São Paulo e Erison, do Botafogo. Os dois primeiros balançaram as redes sete e cinco vezes, respectivamente, enquanto o atacante do Galo tem quatro gols. No ano passado, ele foi o goleador da competição com 19 gols e artilheiro geral do país com 36.

Atlético-MG