PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Seu time agora tem hino adaptado para embalar bebês; saiba onde ouvir

Projeto Rock Your Babies adapta hinos de 12 clubes de futebol do Brasil em versão para bebês - Reprodução
Projeto Rock Your Babies adapta hinos de 12 clubes de futebol do Brasil em versão para bebês Imagem: Reprodução

Arthur Sandes

Do UOL, em São Paulo

17/05/2022 04h00

Se o futebol é uma paixão que vem do berço, os pais e mães mais fanáticos por seus clubes agora têm uma opção e tanto para ninar seus bebês. Um projeto que adapta músicas com acordes mais calmos, o Rock Your Babies, lançou nas últimas semanas um álbum com hinos de clubes de futebol para ajudar a embalar o sono das crianças.

A coletânea tem hinos dos quatro maiores clubes paulistas (Corinthians, Palmeiras, Santos e São Paulo), quatro do Rio de Janeiro (Botafogo, Flamengo, Fluminense e Vasco), dois gaúchos (Grêmio e Inter) e dois mineiros (Atlético-MG e Cruzeiro). Todos estão disponíveis no Spotify, no Deezer e também no YouTube, em versão com vídeo.

Os hinos são um novo braço do Rock Your Babies, que desde 2015 faz releituras de sucessos da música brasileira em versão voltada para os bebês. As notas são as mesmas, mas as músicas são instrumentais para não atrapalhar o sono dos pequenos. Um dos nomes à frente do projeto é Bruno Gouveia, vocalista da banda Biquíni Cavadão, que conta que a ideia nasceu na final da Copa Libertadores de 2021.

"Eu sou flamenguista, vi meu time perder e estava chateado quando a Carol [Pozzani, sócia do projeto] me ligou dizendo que os vizinhos estavam tocando o hino do Palmeiras umas 40 vezes", lembra Bruno Gouveia. Desde aquela final foram cerca de quatro meses até o lançamento da versão instrumental dos hinos.

O músico testou a eficiência dos hinos em casa. O primeiro a ouvi-los foi seu terceiro filho, Leonardo, de um ano e nove meses. "Botamos todos para ele, e ele dormiu bem com todos. Eu queria saber se os timbres estavam bons ou se irritavam de alguma forma, mas ele recebeu todos bem", conta Gouveia, que torce para o bebê não repetir a irmã Letícia, de sete anos, que a despeito dos esforços do pai resolveu torcer para o Fluminense.

"Os filhos e o time são dois amores incondicionais, isso é arraigado na nossa cultura. Temos essa coisa de querer passar o time para os filhos, e é tão sério que não se admite trocar: você pode trocar de esposa, carro, moradia, mas de time não. É quase uma heresia", diz. Neste sentido, os hinos e os demais álbuns do Rock Your Babies "não são tanto para os bebês, mas para os pais, que podem apresentar o tipo de música que eles gostam para os filhos".

Agora o projeto promove uma espécie de "Brasileirão paralelo" com os números de reproduções de cada hino. Por enquanto o Corinthians é o campeão no YouTube, mas nos serviços de streaming o destaque é do Atlético-MG.

Além dos 12 já feitos, o projeto pretende se estender por mais clubes. "Principalmente em estados do Nordeste, onde há rivalidades muito fortes também, também com Athletico e Coritiba, e assim por diante", completa Bruno Gouveia.

Ouça abaixo alguns dos hinos:

Futebol