PUBLICIDADE
Topo

Athletico

Felipão avalia goleada em estreia pelo Athletico-PR: 'Bom para um início'

Felipão à beira do campo a estreia do comando do Athletico-PR, em jogo pela Copa do Brasil, na Arena da Baixada - Gabriel Machado/AGIF
Felipão à beira do campo a estreia do comando do Athletico-PR, em jogo pela Copa do Brasil, na Arena da Baixada Imagem: Gabriel Machado/AGIF

Colaboração para o UOL, em São Paulo

11/05/2022 00h16

Felipão estreou como técnico pelo Athletico-PR com goleada por 4 a 0 sobre o Tocantinópolis na noite de hoje (10), na Arena da Baixada. O resultado assegurou a classificação do Furacão às oitavas de final da Copa do Brasil.

Em entrevista coletiva após a partida, Felipão comentou o início de sua trajetória no time paranaense e foi questionado se a estreia poderia ter sido melhor.

"Melhor?", retrucou o treinador, antes de dar sequência à resposta.

"Se nós observarmos a performance da equipe e a atuação dos atletas com dois dias de treinamento, foi bom. Claro que temos que observar que a nossa equipe é muito superior ao Tocantinópolis. Gostamos como a equipe se comportou, do respeito ao adversário. Não tivemos essa forma de pensamento [de superioridade], gostei em termos psicológicos", avaliou Felipão.

Agora, o Athletico volta as atenções para o Brasileirão. No sábado (14), às 21h, o time de Felipão visita o Fluminense, no Maracanã, pela sexta rodada do torneio nacional. Felipão já sabe que o duelo será muito mais difícil do que o desta noite.

"Venho conversando com eles sobre treino, táticas, sistemas, e vamos nos adaptando aos atletas e eles à nossa forma de pensar. Para um início, foi bom. Agora teremos dificuldades bem mais acrescidas no sábado", afirmou.

"Nós imaginamos e queremos, com muito trabalho e dedicação, chegar em todas as competições o mais longe possível. Queremos títulos? Sim, mas sempre o melhor possível para que possamos conseguir pelo nosso objetivo. Nem sempre é possível chegar ao objetivo, mas se trabalha para isso. Não estou preocupado com o que foi gasto, mas sim em ter uma equipe competitiva, que sonhe muito mais do que até agora", concluiu Felipão.

Além de treinador num primeiro momento, Felipão também foi contratado para ser diretor-técnico do clube. Ele dobra funções em 2022 e indicou durante a semana que permanece como técnico até o fim do ano.

Athletico