PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Revelação santista na Copinha, Patati realiza sonho e joga com ídolo Falcão

Patati joga contra Falcão nos Reis e Rainhas do Drible - Reprodução
Patati joga contra Falcão nos Reis e Rainhas do Drible Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo (SP)

30/01/2022 12h16

Classificação e Jogos

Aos 18 anos, Weslley Patati, uma das revelações do Santos na Copinha 2022, realizou um sonho de jogar ao lado de um grande ídolo: Falcão, no desafio Reis e Rainhas do Drible, realizado neste domingo (30), em São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo.

Depois do jogo, os dois relembraram o momento em que se conheceram, há dois anos, quando Patati tietou o craque do futsal e pediu uma foto.

"Hoje, exatamente dois anos depois, não foi ontem, a gente está aqui jogando juntos. Eu lembro direitinho. Ele falou para mim: 'Estou vindo jogar no Santos. Estou voltando para casa para pegar umas coisas e tal. Ele postou, eu comentei na foto dele. Depois eu acompanhei, claro, a Copa São Paulo, a evolução dele no Santos. Exatamente dois anos depois, a gente está aqui hoje, jogando contra. A próxima espero que seja juntos", disse Falcão em entrevista à Globo.

Sem esconder o sorriso, Patati reafirmou a relação de ídolo e fã. "Sou muito fã dele desde pequeno. Nunca imaginei que um dia eu poderia jogar ao lado dele assim, num evento desses. Porra, é meu ídolo", disse antes de abraçar Falcão.

O jovem atleta santista fez parte do time comandado pela meia do Corinthians Gabi Zanotti, que contou ainda com Lucas Oliveira, Leozinho Futsal, Adonias Freestyle e Fabi Simões, do Internacional.

A equipe adversária, além de Falcão, idealizador do evento, tinha outro nome da Copinha: Jhon Jhon, que foi campeão com o Palmeiras. Gian Wolverine, Diego Freestyle, Natália Guitler e Vanessinha completaram o time.

Falcão, que se arriscou no futebol em equipes como Palmeiras, Portuguesa e São Paulo, defendeu o time de futsal do Santos, em 2011, quando comandou a conquista da Liga Nacional.

Futebol