PUBLICIDADE
Topo

Internacional

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Saldanha: 'Taison é trunfo do Internacional para manter Edenilson'

Do UOL, em São Paulo (SP)

29/01/2022 04h00

Com destaque vestindo a camisa do Internacional nas últimas temporadas, Edenilson está na mira do Atlético-MG, que tem buscado uma aproximação. Resistindo ao assédio do atual campeão brasileiro, o Colorado agora tem tentado a renovação do contrato do jogador, oferecendo alguns aumentos.

Na Live do Mercado da Bola, transmitida pelo UOL Esporte na última sexta-feira (28), os jornalistas Danilo Lavieri e Marinho Saldanha analisaram o assédio do Atlético-MG ao jogador e pontuaram algumas questões sobre o assunto como, por exemplo, o 'trunfo' que o Internacional está usando para manter o meia no elenco.

"O Edenilson é aquele cara que está recebendo corações toda hora no aplicativo dele para dar match, as conversas são abertas e ele está muito requisitado no mundo da bola. A cada janela tem uma nova possibilidade para ele. Esse namoro com o Atlético-MG é antigo, vem desde o começo dessa janela de transferências. Desde antes da saída do Cuca, o Galo queria a chegada desse jogador", começou dizendo Marinho.

"Mesmo depois que o Cuca saiu, o Atlético manteve esse interesse, principalmente porque o contrato do Edenilson foi feito pelo Rodrigo Caetano, que trabalhou no Inter e hoje está no Galo, ele conhece os detalhes. O Rodrigo sabia que ele tinha um acordo verbal com a direção da época, de que quando chegasse uma oferta que se aproximasse de 3 milhões de dólares, o Internacional liberaria", completou o jornalista.

Em seguida, Saldanha explicou o motivo de existir esse acordo do Internacional com Edenilson, mas destacou a 'carta na manga' da diretoria colorada para convencer o atleta a ficar.

"Vale ressaltar que é um acordo verbal, não é um contrato. O Internacional fez isso porque o Edenilson foi procurado por clubes árabes, que tentaram levar ele com uma proposta que era boa para ele, mas não para o Inter. Sabendo disso tudo, o Rodrigo Caetano, assim que pintou a oportunidade, foi atrás dele. O jogador queria sair, tentou fazer essa liberação acontecer, mas o clube bateu o pé. A última oferta do Galo chegou nos 3 milhões de dólares, mas os colorados negaram".

"Essa última recusa chegou acompanhada de uma outra coisa. O Inter chamou o Edenilson e propôs um novo contrato até 2024, aumentando a multa rescisória para o exterior e o salário dele. Pesou também nessa aproximação o status do Taison em cima do elenco. É um cara que vê no Edenilson um suporte e um apoio fundamental para ele conseguir uma gestão boa de vestiário", finalizou o jornalista

A próxima edição da Live do Mercado da Bola será na segunda-feira (31). Você pode acompanhar a live pelo Canal UOL, no app Placar UOL, na página do UOL Esporte ou no canal do UOL Esporte no YouTube.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Internacional