PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Messi "dá bronca" em vestiário da Argentina por apelido

Alexis Mac Allister, do Brighton, antes de partida contra o Chelsea - Mike Hewitt/Getty Images
Alexis Mac Allister, do Brighton, antes de partida contra o Chelsea Imagem: Mike Hewitt/Getty Images

Colaboração para o UOL

27/01/2022 10h18

Jovens jogadores sofrem trotes e brincadeiras o tempo todo. No Brasil, é comum ver jogadores que sobem da base e têm os cabelos raspados pelos veteranos e quando são convocados para a seleção brasileira, são chamados a subir na cadeira e se apresentar para todo o elenco e comissão técnica, além de cantar uma música.

Na Argentina, os mais novos também sofrem com piadas e trotes, mas, por lá, o capitão não gostou e mandou parar. Alexis Mac Allister é um jovem meia argentino, que atua pelo Brighton, da Inglaterra. Foi convocado para a seleção albiceleste pela primeira vez em 2019 e recebeu o apelido de "Colo", que significa ruivo, em espanhol.

Camisa 10 e capitão da seleção argentina, Lionel Messi deu uma chamada em seus companheiros e mandou que parassem de fazer piada com o cabelo do garoto. "Ele não gosta de ser chamado de Colo. Então, parem de chamá-lo assim", disse Messi ao vestiário argentino. Quem conta a história é o próprio Mac Allister, em entrevista ao jornal inglês "The Athletic".

Messi - Juan I. Roncoroni - Pool/Getty Images - Juan I. Roncoroni - Pool/Getty Images
Messi pediu para os colegas pararem com o "bullying"
Imagem: Juan I. Roncoroni - Pool/Getty Images

Ao se apresentar pela primeira vez na seleção, conhecer Messi foi motivo de ansiedade. "Eu estava completamente vermelho. Não queria nem dizer oi, estava muito nervoso de conhecer um dos melhores jogadores do mundo. Mas, foi incrível, lógico", conta Alexis.

O jovem meia argentino é filho de Carlos Mac Allister, ex-jogador do Boca Juniors, com passagem pela seleção. No Boca, seu pai jogou ao lado de outra lenda argentina: Maradona. Mac Allister celebra a coincidência. "É algo que nunca vou esquecer. É mágico que meu pai tenha jogado com Maradona e hoje eu posso treinar ao lado do Messi. Estamos muito orgulhosos com isso", diz.

Apesar de dividir os treinos com Lionel Messi, Mac Allister ainda não teve a oportunidade de jogar ao lado do ídolo. Nos dois jogos que disputou pela seleção argentina, amistosos contra Chile e México, Messi não foi chamado.

Ainda não será dessa vez que Mac Allister vai jogar ao lado de Messi. Convocado para a rodada dupla das eliminatórias, Mac Allister testou positivo para Covid-19 e teve que ser cortado, junto com Emiliano Buendia. O camisa 10 não foi convocado, para focar na recuperação depois de também ser diagnosticado com coronavírus. A Argentina enfrenta o Chile hoje às 21h15 e a Colômbia na terça-feira.

Futebol