PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Flamengo e Santos avançam por Marinho; Peixe admite saída e pede mais

Marinho em treino do Santos - Ivan Storti/Santos FC
Marinho em treino do Santos Imagem: Ivan Storti/Santos FC

Lucas Musetti Perazolli

Colaboração para o UOL, em Santos (SP)

27/01/2022 13h24

O Flamengo ofereceu 1,2 milhão de dólares (R$ 6,5 milhões) por Marinho. O Santos mantém a negociação aberta, mas quer mais. A distância entre o pedido e o sugerido diminuiu nas últimas horas.

O Santos quer receber "limpa" a sua parte, sem dividir com Grêmio e empresários (donos de 10% cada). O Peixe também quer garantir um percentual de futura venda.

O Santos priorizava uma negociação para o exterior, mas não recebeu nada concreto até então. O atacante sonha em atuar nos Emirados Árabes Unidos, porém, gosta da possibilidade do Flamengo. As sondagens de clubes da Arábia Saudita ainda não viraram propostas.

O Santos sabe do risco de vender Marinho e vê-lo brilhar no Flamengo como ocorreu com Bruno Henrique, mas vê poucas opções e está disposto a negociar o camisa 11 com o Rubro-Negro se as condições melhorarem. Os cariocas afirmam que não podem pagar muito mais para quem tem apenas um ano de vínculo.

Marinho tem contrato até dezembro de 2022 e fará 32 anos em maio. A partir de julho, ele pode assinar um pré-acordo com qualquer clube para sair de graça em 2023. E o desejo do atleta é sair já.

O Peixe entende que não adianta manter Marinho se o foco dele não estiver na Vila Belmiro. E não tem condições financeiras de melhorar o atual contrato do jogador.

Marinho já pediu "aumento" e "plano de carreira" publicamente. Ele recebe um dos maiores salários do elenco. O Santos nunca fez qualquer proposta de renovação a ele.

No Flamengo, Marinho receberia mais do que no Santos e menos que no mundo árabe. Depois de um 2021 de baixo rendimento após ser o "Rei da América" em 2020, o atacante crê que precisa de um bom contrato em busca da independência financeira.

Lacunas na Gávea

O Flamengo já procurava um ponta desde o retorno de Kenedy para o Chelsea, da Inglaterra. A busca se intensificou com a venda de Michael ao Al Hilal, da Arábia Saudita, por cerca de R$ 45,5 milhões.

Em 2015, Marinho, então destaque no Vitória, quase foi contratado, mas foi para o Changchun Yatai, da China. No fim de 2018, ele afirmou em vídeo vazado por um amigo que gostaria de ser emprestado pelo Grêmio ao Fla: "É só chegar". Ele chegou ao Santos em maio de 2019.

Diante da boa chance de sair, Marinho não foi inscrito pelo Santos no Campeonato Paulista.

Futebol