PUBLICIDADE
Topo

Fluminense

Fluminense inicia ano de cara nova e Abel tem quebra-cabeça para montar

Do UOL, no Rio de Janeiro

24/01/2022 04h00

Com comissão técnica e elenco reformulado, o Fluminense inicia a temporada como uma incógnita dentro das quatro linhas. O primeiro teste do time tricolor em 2022 será na quinta-feira (27), contra o Bangu, no Luso-Brasileiro.

Velho conhecido da torcida, Abel Braga retorna ao clube pelo qual foi campeão do Brasileiro com a promessa de surpreender. Opções para isso não faltam. O clube das Laranjeiras foi ativo na janela de transferência e anunciou nada menos que oito reforços, tendo novos nomes em todos os setores.

"Eu tenho muita consciência do que é isso aqui. E o atleta também tem que ter, isso é muito importante. O Fluminense está completo enquanto estrutura. Estou muito empolgado, e como é bom se sentir assim. É muito bom. E não pensem que vão ver o mesmo Abel de 2018, de 2011 ou 2012, porque não vão. Sou completamente diferente. Vão ver algo que pode surpreender", disse Abel, em entrevista ao site oficial do Flu.

Alguns dos reforços que desembarcaram no Flu, além de experientes, podem atuar em mais de uma posição. Primeiro nome anunciado, Felipe Melo atuou tanto como volante quanto como zagueiro nos tempos de Palmeiras. Willian, que também estava no Verdão, pode ocupar mais de uma função no ataque.

Já o meia Nathan, que estava no Atlético-MG, ressaltou que pode ser volante, ponta ou até mesmo centroavante. E o lateral-esquerdo Pineida também pode ser opção para a ala oposta.

"No Galo, eu joguei em várias funções no ano passado. Na maioria das vezes que o time estava empatando ou perdendo, sempre que eu conseguia estar em campo, ou estar entrando, nós conseguimos reverter esse placar. Eu vou dar meu melhor para ajudar a equipe com assistência e a vitória. Mas se eu não der assistências, ou se eu não fizer gols, vou dar meu melhor dentro de campo correndo e ajudando a equipe", afirmou Nathan.

Apresentado na última sexta-feira (21), o lateral-esquerdo Cristiano, que estava no Sheriff, do Moldávia, revelou que "o professor está fazendo muitas trocas", e afirmou preferir atuar no esquema com três zagueiros. Esta foi a formação adotada por Abel na última passagem pelo Flu, em 2018.

"O professor está fazendo trocas, acho que isso é importante. Eu me sinto mais à vontade jogando com três zagueiros, jogando bastante adiantado. Na próxima semana já estreamos, temos mais alguns dias, se eu não me engano, nove dias para poder continuar nesse treinamento, e o professor Abel vai decidir o que fazer melhor."

Fluminense