PUBLICIDADE
Topo

Reforços do Corinthians aparecem no BID e estão liberados para estreia

Paulinho, do Corinthians, participa da reapresentação no CT Joaquim Grava - Rodrigo Coca/Agência Corinthians
Paulinho, do Corinthians, participa da reapresentação no CT Joaquim Grava Imagem: Rodrigo Coca/Agência Corinthians

Yago Rudá

Do UOL, em São Paulo

21/01/2022 19h23

Classificação e Jogos

Os três reforços anunciados pelo Corinthians nesta janela de transferências estão liberados para a estreia no Campeonato Paulista, na próxima terça-feira (25), contra a Ferroviária, na Neo Química Arena. Ao longo do dia de hoje (21), os nomes de Paulinho, Bruno Melo e Robson Bambu foram publicados no BID (Boletim Informativo Diário) da CBF e, portanto, estão regularizados.

A princípio, para que os atletas pudessem entrar em campo na primeira rodada do Paulistão deste ano, seus respectivos contratos precisariam entrar no BID até o dia de ontem (20). No entanto, uma circular da FPF (Federação Paulista de Futebol) garantiu mais um dia de prazo para os clubes — tempo suficiente para que o Corinthians conseguisse regularizar o trio.

A situação que mais preocupava o clube do Parque São Jorge era em relação ao volante Paulinho, a grande contratação para a equipe do técnico Sylvinho até o momento. Embora tenha contratado o meio-campista em dezembro do ano passado, o Corinthians aguardava uma documentação da federação saudita de futebol — o que demorou a acontecer.

Com a regularização do trio de reforços, o Timão terá força máxima em sua estreia no Campeonato Paulista. Hoje pela manhã, Sylvinho garantiu as escalações de Cantillo e Gustavo Mantuan como titulares e, desta forma, a tendência é de que a equipe entre em campo contra a Ferroviária escalada com Cássio; Fagner, João Victor, Gil e Lucas Piton; Cantillo, Paulinho (Giuliano), Renato Augusto e Willian; Roger Guedes e Gustavo Mantuan.

Ambos emprestados ao Corinthians, Bruno Melo e Robson Bambu muito provavelmente serão relacionados para a partida, mas iniciarão a partida no banco de reservas. A dupla foi contratada para compor elenco no Timão e brigam por espaço com a comissão técnica.