PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Grêmio e Douglas Costa aguardam Juventus para anunciar rescisão

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

21/01/2022 16h37

Já é certo: Douglas Costa não joga mais pelo Grêmio, mas a rescisão de contrato ainda não é oficial. Hoje (21), a diretoria do clube gaúcho e o estafe do meia-atacante acertaram os últimos detalhes burocráticos do acordo para rompimento de vínculo e, agora, esperam a posição da Juventus. O time italiano precisa dar anuência para o acerto.

O jogador inclusive já deixou a concentração e não participa mais da pré-temporada do time comandado por Vagner Mancini, que ocorre entre Porto Alegre e Eldorado do Sul.

Douglas Costa já tem acerto encaminhado com o Los Angeles Galaxy, dos Estados Unidos. A rescisão em Porto Alegre deixará o meia-atacante livre no mercado da bola para assinar com o time da MLS (Major League Soccer). O Grêmio não receberá compensação pela transferência, mas deixará de arcar com o custo do contrato do camisa 10.

Aos 31 anos, Douglas Costa está no Grêmio por empréstimo até junho de 2022. A partir do mês seguinte, o meia-atacante passaria a ter contrato definitivo em Porto Alegre.

A posição da Juventus no acordo para rescisão é considerada mera formalidade. Sem chance de inviabilizar a saída, já acertada entre Grêmio e Douglas Costa. A resposta formal dos italianos é aguardada até o final de semana, com anúncio oficial da saída do jogador logo depois.

Segundo apurou o UOL Esporte, Grêmio e Douglas Costa acertaram a rescisão na quinta-feira (20). O clube pagará valores referentes ao ano de 2021, mas não precisará arcar com cifras de 2022 e 2023.

O valor será parcelado em quatro anos, com início da quitação em 2023. A quantia é referente aos reforços semestrais da contratação, que tinha valor fixo de salário, bônus por produtividade e pagamentos pontuais para compor o custo total de Douglas Costa.

Futebol