PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Luxemburgo diz que já pensava em troca no gol do Cruzeiro: Fábio por Ivan

Vanderlei Luxemburgo já tinha planos para as temporadas 2022 e 2023 do Cruzeiro - Gustavo Aleixo/Cruzeiro
Vanderlei Luxemburgo já tinha planos para as temporadas 2022 e 2023 do Cruzeiro Imagem: Gustavo Aleixo/Cruzeiro

Do UOL, em Belo Horizonte

20/01/2022 11h48

Vanderlei Luxemburgo renovou contrato com o Cruzeiro até o fim de 2023. O técnico iniciou o planejamento da temporada 2022 e também já projetava o que fazer para o ano seguinte. Inclusive, o treinador revelou que já pensava na saída do goleiro Fábio e na indicação de Ivan, revelado pela Ponte Preta e recentemente negociado com o Corinthians.

Porém, algumas semanas depois do final da última Série B do Campeonato Brasileiro, o futebol cruzeirense mudou de comando e tudo foi alterado. Ronaldo comprou 90% das ações da Sociedade Anônima do Futebol (SAF) do Cruzeiro e fez uma revolução interna. Luxemburgo foi demitido e não deu sequência ao planejamento iniciado para as temporadas 2022 e 2023.

Com a chegada de Ronaldo, Fábio não renovou contrato e deixou a Toca da Raposa após 17 anos. O goleiro seguiu para o Fluminense e foi substituído por Rafael Cabral. Apesar de planejar a saída do histórico camisa 1 cruzeirense, Luxa garante que ainda contaria com Fábio para a disputa da Série B de 2022.

"Sim. Fábio estava no meu projeto. Ele, ano passado, estava melhor que quando trabalhei em 2015. Mais magro e melhor. Porque ficou mais velho e teve que treinar mais para continuar trabalhando em alto nível. Continuaria com ele. Até tinha indicado o Jailson, porque o problema do Cruzeiro era ir para a Primeira Divisão. Se o Fábio machucasse, teria um jogador experiente e que não iria sentir absolutamente nada, porque estava acostumado a jogar no Palmeiras. Teria mantido o Fábio", disse Vanderlei Luxemburgo, em entrevista a Rádio Transamérica.

Mas para 2023 a situação mudaria bastante. Considerando que o Cruzeiro finalmente conseguiria o acesso, Luxa trocaria Fábio por um goleiro mais jovem. Na visão dele, Ivan seria o indicado.

"Quando subir, subiu. Primeira Divisão? Fábio, um abraço, agora não cabe mais, completou todos os jogos. Agora temos tempo para fazer experiência, e o jogador da Ponte Preta é que estava na minha cabeça, um dos melhores jogadores jovens que surgiram hoje em dia. A minha opção era essa, a deles não foi. Optaram pelo goleiro que foi do Santos, que é muito bom. Ele começou muito bem, excelente goleiro, tem experiência na Europa. Quando começou, se mostrou um grande goleiro", revelou o treinador.

Foram cerca de duas semanas entre a venda da SAF para Ronaldo e a confirmação de Vanderlei Luxemburgo não seria o técnico para 2022. Luxa chegou a gravar um vídeo cobrando um posicionamento da nova gestão do Cruzeiro. Apesar da saída do clube, lembrando que ele havia renovado o contrato por mais duas temporadas, o treinador garantiu que não tem nenhum tipo de mágoa em relação a Ronaldo.

"Minha relação pessoal com ele é de amizade. Ele comprou uma empresa. E ele entendeu que o técnico Vanderlei Luxemburgo não cabia no projeto dele. Tenho zero preocupação que o Ronaldo não ficou comigo", completou.

Futebol