PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Luiz Adriano conversa com Cerro Porteño; Palmeiras pagaria parte do salário

Luiz Adriano faz sinal de "silêncio" após marcar pelo Palmeiras contra o Sport - Marcello Zambrana/AGIF
Luiz Adriano faz sinal de 'silêncio' após marcar pelo Palmeiras contra o Sport Imagem: Marcello Zambrana/AGIF

Diego Iwata Lima

Do UOL, em São Paulo

18/01/2022 16h17Atualizada em 18/01/2022 19h13

O atacante Luiz Adriano, que tem apresentação no Palmeiras marcada para quarta-feira (19), está em conversas com o Cerro Porteño (PAR). E, caso haja acerto, pelo salário que o atacante recebe, o Palmeiras já sabe que inevitavelmente terá de arcar com parte dos vencimentos —do mesmo modo que faz com Lucas Lima no Fortaleza,

O centroavante, que tem contrato com o Palmeiras até junho de 2023, negocia para ir por empréstimo ao atual campeão do país guarani —o Cerro venceu o Clausura em dezembro.

O Palmeiras não participa da negociação neste momento. Representantes de Luiz e o jogador tratam diretamente com os paraguaios. Uma vez que as condições entre as partes estejam acertadas, o Alviverde toma parte no processo.

Luiz Adriano recebe mais de R$ 1,2 milhão mensais. O valor inclui também as luvas pela assinatura do contrato em 2019, que foram diluídas ao longo dos quatro anos do vínculo do gaúcho com o Palmeiras.

A negociação entre o Cerro e Luiz Adriano é mais um balde de água fria naqueles que mantêm esperanças de o jogador ser reintegrado pelo Alviverde, onde foi artilheiro na temporada 2020, com 20 gols.

Já em 2021, com uma lesão inexplicável e um comportamento errático, que incluiu baladas em casas noturnas, quebras do protocolo sanitário e festas em sua casa em um condomínio na região da Grande São Paulo, o jogador virou reserva e terminou o ano avisado de que estava fora dos planos do clube alviverde.

Futebol