PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Palmeiras não será eliminado da Copinha por escalações após casos de covid

Diego Iwata Lima

Do UOL, em São Paulo

17/01/2022 21h01Atualizada em 18/01/2022 15h00

Classificação e Jogos

O Palmeiras não vai ser eliminado da Copa São Paulo por conta das escalações de jogadores antes de dez dias corridos desde seus exames positivos para covid-19. O UOL Esporte apurou que o caso será levado para o comitê disciplinar da Copinha na Federação Paulista de Futebol (FPF), mas que a eliminação já está de antemão descartada.

O Palmeiras escalou Jonathan e Endrick, que tiveram testes positivos no dia 11, contra o Internacional, pelas oitavas de final, nesta segunda-feira (17) —vitória por 2 a 1. Endrick atuou também no sábado, contra o Atlético-GO, na vitória por 3 a 0, pela terceira fase. E o Internacional fez uma consulta à FPF sobre o assunto.

  • De segunda a sexta, às 17h, o Canal UOL traz, ao vivo, as últimas informações do mercado da bola. Inscreva-se no YouTube de UOL Esporte e confira também as lives dos clubes, Posse de Bola e UOL News Esporte:

Embora o documento denominado como "Protocolo de Jogo" da competição fale da necessidade de afastamento de dez dias em casos de exames positivos para detecção do coronavírus, não existe qualquer indicação de punição para escalações de jogadores antes desse período.

E ainda que houvesse, o Protocolo de Jogo, no entendimento da FPF, não tem força de regulamento. E no regulamento, por fim, o descumprimento de itens do Protocolo de Jogo pode levar apenas a sanções administrativas —no caso, advertência e multa.

Desse modo, o Palmeiras, que eliminou o Internacional, vai mesmo jogar as quartas de final da competição. O rival será o Oeste, que eliminou o Canaã, também nesta segunda-feira, ao vencer por 3 a 2. O jogo será na quarta-feira, às 19h, em Barueri.

Federação Paulista de pronuncia oficialmente

Nesta terça-feira (18), a FPF se pronunciou oficialmente sobre o caso:

"A Federação Paulista de Futebol está apurando o ocorrido e, havendo algum descumprimento de Protocolo, o caso será encaminhado à Comissão Disciplinar para possível sanção administrativa, conforme previsto no Regulamento Geral de Competições."

Futebol