PUBLICIDADE
Topo

Futebol

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Posse de Bola #193: Fla, Inter ou Galo, quem aposta melhor em estrangeiro?

Do UOL, em São Paulo

14/01/2022 12h58

Classificação e Jogos

O Atlético-MG definiu a contratação do argentino Antonio 'El Turco' Mohamed como seu novo técnico, se juntando a Coritiba, Flamengo, Fortaleza, Internacional e Palmeiras na lista dos clubes da primeira divisão com treinadores estrangeiros, considerando que no caso do Galo, do Flamengo e do Inter, são novos nomes que chegam, com Paulo Sousa no e Alexander 'Cacique' Medina.

No podcast Posse de Bola #193, os jornalistas Arnaldo Ribeiro, Eduardo Tironi, Marília Ruiz e Mauro Cezar Pereira analisam quem faz a melhor aposta entre os três clubes que contrataram seus novos técnicos estrangeiros para a temporada 2022, a perda de espaço dos técnicos brasileiros para profissionais de outros países, além da primeira convocação do ano na seleção brasileira, em lista com jogadores contestados.

Ouça também o boletim do Posse com Arnaldo e Tironi; exclusivo na Apple Podcasts

Marília comenta a dificuldade que o Galo teve na contratação de seu treinador e cita que parecia alguém procurando relacionamento à distância no Tinder, além de chamar a atenção para o currículo apresentado pelo argentino Turco Mohamed.

"A gente falou o quanto aleatória é a escolha de todos, mais especificamente no caso agora do Atlético-MG, que foi recebendo 'não'. Ele foi dando 'sim' no Tinder, 'esse eu tenho interesse', porque isso tudo à distância, 'esse eu tenho interesse'. O cara não deu match com ninguém, ninguém dava sim para o Atlético-MG e esse deu match na primeira e foi trazido", diz a jornalista.

"O Powerpoint de apresentação dele de currículo é o 'coach da montanha', 'o time é mais importante do que o jogador, o jogador é mais importante que o esquema, vamos vencer todos os jogos'. Se o Atlético-MG foi convencido por aquela folha de currículo que ele mandou, é uma piada". completa.

Mauro vê tendência de aumento dos técnicos estrangeiros no Brasil

Já Mauro Cezar chama a atenção para o fato de 6 dos 20 clubes da Série A do Campeonato Brasileiro contarem com estrangeiros, o que indica que os treinadores brasileiros estão ficando obsoletos em um movimento que parece irreversível neste momento.

"É um movimento mais do que óbvio, mais do que natural porque você percebe que o Flamengo lá atrás já notou que precisava de estrangeiros e foi buscá-los, aí perdeu o Jesus, aquele período de pandemia, chegou a ter dois técnicos brasileiros e já voltou para o estrangeiro. O Palmeiras foi buscar estrangeiro e se o Abel Ferreira sai provavelmente faria um movimento lá fora, e o Atlético-MG a mesma coisa". diz Mauro.

"Você tem realmente um cenário completamente diferente que evidencia o quão obsoletos são os técnico brasileiros em grande maioria, esses que costumam ocupar os cargos mais importantes e vão perdendo cada vez mais espaço, só que ao invés de correr atrás do chamado prejuízo, como se diz, eles preferem muitas vezes ser corporativistas, aí um que está desempregado quando é chamado para dar entrevista achincalha os caras, assim não vai levar eles a lugar nenhum, estão perdendo mercado mesmo e parece um movimento irreversível", completa.

Arnaldo critica convocação de Weverton antes do Mundial

Em relação à convocação do técnico Tite para os primeiros jogos da seleção brasileira no ano pelas Eliminatórias Sul-Americanas, Arnaldo Ribeiro critica o fato de o nome de Weverton estar na lista, já que ele é o terceiro goleiro e desfalcará o Palmeiras antes do Mundial de Clubes.

"O Weverton vai jogar o Mundial em fevereiro, daqui pouco, e é o terceiro goleiro da seleção brasileira, a justificativa para a convocação do Weverton para mim não existe, ele não vai ser aproveitado nos jogos das eliminatórias, ele vai desfalcar o Palmeiras em alguns jogos preparatórios para o Mundial", diz Arnaldo.

"Agora, nem o Palmeiras e nem o Weverton expressaram nenhuma palavra sobre a convocação porque em ano de Copa do Mundo ninguém quer ficar fora e o clube não quer se indispor com o jogador", conclui.

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas e sextas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter).

A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts. Você pode ouvir, por exemplo, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts, Amazon Music e Youtube --neste último, também em vídeo. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Futebol