PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Piqué entra em nova polêmica e troca farpas públicas com treinador

Piqué lamenta gol sofrido pelo Barça contra o Granada, no sábado (8), véspera de mais uma polêmica - REUTERS/Jon Nazca
Piqué lamenta gol sofrido pelo Barça contra o Granada, no sábado (8), véspera de mais uma polêmica Imagem: REUTERS/Jon Nazca

Do UOL, em São Paulo

10/01/2022 12h58

Dias após revelar o próprio salário para desmentir um jornalista espanhol, o zagueiro Gerard Piqué entrou em nova polêmica nas redes sociais ontem (9), ao trocar farpas públicas e provocar Unai Emery, treinador do Villarreal.

O desentendimento entre os dois envolve cinco times espanhóis. No sábado (8), o Valencia perdeu para o Real Madrid em jogo de arbitragem polêmica, por isso o perfil oficial do clube fez piada nas redes. "Os roubos em Madri estão ficando repetitivos", escreveu, em referência à famosa série espanhola La Casa de Papel.

Piqué entrou no assunto. "Não falem alto, senão vão te punir", escreveu também nas redes, em alusão a uma possível punição por parte da liga espanhola.

Até então Unai Emery não tinha nada a ver com a história, mas o treinador fez questão de falar sobre os tweets de Piqué durante uma entrevista coletiva.

"Pique foi ao Twitter falar da arbitragem do jogo entre Real Madrid e Valencia, mas se esqueceu de que o pênalti de verdade foi o que ele fez, e não foi marcado, quando salvou um gol com a mão contra nós. Ele deveria ser honesto e não enganar as pessoas", disparou o técnico, lembrando a partida de três meses atrás em que o Barcelona venceu o Villarreal por 3 a 1.

A réplica do zagueiro foi brutal. Piqué compartilhou uma entrevista em que Emery ainda reclamava, em 2020, da goleada sofrida pelo então PSG dele para o Barcelona, em 2017, na Liga dos Campeões. "Diz uma pessoa que, depois de três anos, continuava reclamando do árbitro do 6 a 1. Supere, Unai", rebateu (veja o tweet abaixo).

Os 6 a 1 do Barça sobre o PSG, em março de 2017, foram a maior virada da história da Champions League. Comandado por Emery, o time francês havia vencido o jogo de ida por 4 a 0, mas o Barcelona de Piqué e cia. fez três gols na reta final para se classificar de forma heróica no Camp Nou -Neymar foi o herói da ocasião, com dois gols e uma assistência nos sete minutos finais.

Na entrevista compartilhada por Piqué, Unai Emery reclama de um suposto pênalti não dado ao PSG e afirma que sua equipe teria se classificado se a arbitragem fosse melhor. "Há muitos detalhes que podem mudar uma partida, mas se trocamos o árbitro daquela, está feito", disse à época.

Futebol