PUBLICIDADE
Topo

Grêmio

Grêmio pode ter que pagar multa de R$ 35 milhões por venda de Arthur

Oscar Del Pozo/AFP
Imagem: Oscar Del Pozo/AFP

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

22/12/2021 04h00

O fisco espanhol tem investigação em andamento para apurar possíveis irregularidades no pagamento de impostos na transferência de Arthur, negociado pelo Grêmio com o Barcelona em 2018. O caso pode render multa de R$ 35,5 milhões ao clube gaúcho, que, inclusive, já fez provisão contábil do valor nas contas de 2021. A diretoria gremista afirma que a cobrança é indevida e prepara eventual defesa judicial.

A Agência Tributária espanhola tem entendimento que o clube gaúcho deveria ter pago impostos no país em decorrência da negociação com o Barça. O órgão ainda apura detalhes do negócio para emitir parecer final. Ou seja, ainda estuda se aplica multa ao Grêmio. Mas o clube já foi notificado do procedimento e das regras que sustentam o argumento das autoridades na Espanha.

O valor de R$ 35,5 milhões aparece nas contas do Grêmio de 2021. A título de "provisão contábil referente a fiscalização em curso pelo Fisco Espanhol". O lançamento da quantia no balanço da atual temporada foi definido como medida de precaução, assegurando a quantia nos cofres para pagamento em caso de condenação e antes de recurso judicial.

O Grêmio tem advogados no Brasil e na Espanha trabalhando no caso. Nos bastidores, o entendimento é que na esfera administrativa a multa deverá ser aplicada. Mas na justiça a cobrança será descartada.

A previsão é que o processo administrativo, a investigação dos detalhes fiscais do negócio com o Barcelona, avance por quase todo ano de 2022. Assim, somente em 2023 o caso deve chegar aos tribunais com possível pedido de recurso por parte do Grêmio.

Arthur trocou Porto Alegre por Barcelona na metade de 2018, após o Barça antecipar a despedida do volante. O negócio foi fechado por 30 milhões de euros e mais gatilhos de desempenho do jogador na Espanha. Atualmente, Arthur está na Juventus.

O Grêmio prevê, mesmo com a provisão da possível multa, fechar a temporada de 2021 com superávit de R$ 7 milhões. O clube gaúcho também já aprovou orçamento para 2022 com estimativa de R$ 220 milhões a menos em receitas, em reflexo da queda para Série B e negociações de atletas.

Grêmio