PUBLICIDADE
Topo

Grêmio

Grêmio: Douglas Costa pede liberação para festa de casamento e direção nega

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre (RS)

08/12/2021 10h20

Classificação e Jogos

Às vésperas do último jogo da temporada, que pode salvar o Grêmio do rebaixamento no Campeonato Brasileiro, Douglas Costa pediu liberação para realizar festa de casamento no Rio de Janeiro. A solicitação, negada pelos dirigentes gremistas, foi revelada pela coluna do jornalista Ancelmo Gois, do jornal O Globo, e confirmada ao UOL Esporte. A confraternização estava marcada para terça-feira (7), no Copacabana Palace.

Na quinta-feira (9), o clube gaúcho encara o Atlético-MG na última rodada do Brasileirão. O time tricolor precisa vencer e torcer por uma combinação de resultados para escapar do rebaixamento.

De acordo com informações apuradas pela reportagem do UOL, o pedido de liberação foi feito apenas na noite da última segunda-feira (6).

O pedido de Douglas Costa foi de autorização para ir ao Rio de Janeiro e voltar na manhã seguinte, ou seja, hoje (8). Douglas Costa está concentrado com os demais jogadores do elenco para a partida decisiva do Grêmio.

O jogador e estafe foram procurados, mas até a publicação desta matéria não se manifestaram. O texto será atualizado caso ocorra posicionamento da parte do meia-atacante.

Douglas e Nathalia planejaram casar no início de junho, mas adiaram o casamento em decorrência de nova onda da covid-19 no Brasil.

Em julho, o casal celebrou a união com pessoas próximas em Punta Cana, na República Dominicana, e deixou a festa para o fim do ano. Agora, eles vão precisar escolher uma nova data para a comemoração.

Douglas Costa havia marcado a festa para depois do término do Brasileirão, já que a expectativa da CBF era encerrar o campeonato no último domingo (5). Porém, a entidade decidiu estender a competição por mais alguns dias.

No Instagram, Douglas Costa arquivou ou excluiu as imagens em que aparecia com a camisa do Grêmio. O jogador está emprestado pela Juventus e tem contrato com os gaúchos até a metade de 2022. O time italiano tem cláusula no vínculo para solicitar o retorno do meia-atacante, mas o prazo para ativar o item do contrato vai até o final do mês. Sem esse movimento até o fim do período, o camisa 10 terá contrato ativado em Porto Alegre até o final de 2023.

Grêmio