PUBLICIDADE
Topo

São Paulo

Rebaixamento e mais: os recordes negativos que o SPFC tenta evitar no BR

Maxi Franzoi/AGIF
Imagem: Maxi Franzoi/AGIF

Brunno Carvalho

Do UOL, em São Paulo

04/12/2021 04h00

Classificação e Jogos

O São Paulo ainda briga contra o rebaixamento faltando duas rodadas para o término do Brasileirão. Com 45 pontos, a equipe está cinco à frente do Bahia, primeiro time dentro da zona da degola. A inédita queda, contudo, não é o único recorde negativo que o São Paulo quer evitar na competição.

A equipe tem um dos piores ataques da competição com 28 gols, melhor apenas que os já rebaixados Sport (21) e Chapecoense (27). Faltando apenas dois jogos, será quase impossível que os comandados de Rogério Ceni não fiquem com a marca de pior ataque da história do clube em Brasileirões de pontos corridos.

A pior marca até hoje foi em 2013, quando o São Paulo fez 39 gols. Na ocasião, no entanto, a situação era mais tranquila para o time do Morumbi. Apesar de ter brigado contra o rebaixamento por um período da competição, a equipe tricolor terminou aquela edição na nona colocação.

A posição não foi atingida ainda pelo São Paulo na atual edição do Brasileirão. O melhor que a equipe conseguiu até o momento foi a 11ª colocação. Ainda na luta contra o rebaixamento, o time de Rogério Ceni pode terminar na pior posição da história do clube no torneio desde que os pontos corridos foram implementados em 2003.

A pior posição até o momento foi em 2017, quando o São Paulo também brigou contra o rebaixamento, mas terminou na 13ª colocação. Essa é uma posição acima da atual que a equipe do Morumbi ocupa no Brasileirão. Caso não conseguia somar pontos contra Juventude e América-MG, seus últimos adversários no torneio, a equipe conseguirá mais uma marca negativa em uma temporada que começou com o fim da fila de títulos e termina em crise.

Confira os desempenhos do São Paulo nos Brasileirões de pontos corridos:

2003 - 81 gols a favor e 67 contra
2004 - 78 a favor e 43 contra
2005 - 77 a favor e 67 contra
2006 - 66 a favor e 32 contra
2007 - 55 a favor e 19 contra
2008 - 66 a favor e 36 contra
2009 - 57 a favor e 42 contra
2010 - 54 a favor e 54 contra
2011 - 57 a favor e 46 contra
2012 - 59 a favor e 37 contra
2013 - 39 a favor e 40 contra
2014 - 59 a favor e 40 contra
2015 - 53 a favor e 47 contra
2016 - 44 a favor e 36 contra
2017 - 48 a favor e 49 contra
2018 - 46 a favor e 34 contra
2019 - 39 a favor e 30 contra
2020 - 59 a favor e 41 contra

As campanhas do São Paulo no Brasileirão de pontos corridos:

2003 - 3º
2004 - 3º
2005 - 11º
2006 - 1º
2007 - 1º
2008 - 1º
2009 - 3
2010 - 9º
2011 - 6º
2012 - 4º
2013 - 9º
2014 - 2º
2015 - 4º
2016 - 10º
2017 - 13º
2018 - 5º
2019 - 6º
2020 - 4º

São Paulo