PUBLICIDADE
Topo

Futebol

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Arnaldo: São Paulo teve partidas desastrosas sob o comando do Rogério Ceni

Do UOL, em São Paulo

03/12/2021 16h32

Classificação e Jogos

O São Paulo tinha a oportunidade de rebaixar o Grêmio e confirmar sua permanência na primeira divisão do Campeonato Brasileiro, mas acabou derrotado por 3 a 0 pelo clube gaúcho em Porto Alegre em uma noite que nada deu funcionou e deixou preocupações em relação ao trabalho do técnico Rogério Ceni, que chegou para o lugar de Hernán Crespo, mas ainda não conseguiu recuperar o time como se esperava no momento de sua contratação.

No podcast Posse de Bola #183, Arnaldo Ribeiro afirma que o São Paulo provavelmente cairia se não fossem as vitórias sobre Internacional e Palmeiras, além de ressaltar as atuações que considera desastrosas, incluindo o 'gol de churrasco', na cobertura certeira de Jhonata Robert, batendo o goleiro Tiago Volpi.

"O Rogério sucedendo o Crespo teve no comando do São Paulo algumas poucas boas partidas, duas vitórias que estão dando até o momento um respiro na disputa da zona de rebaixamento, que foram contra o Inter e contra o Palmeiras, com o Palmeiras inteiro reserva e o Inter praticamente reserva. Não fossem esses 6 pontos, o São Paulo talvez caísse para a segunda divisão mesmo", diz Arnaldo,

"Tem chance matemática de cair, mas é complicado, precisa de uma combinação de resultados, porque se dependesse do próprio time, o time foi piorando. Além dessas vitórias, o São Paulo teve partidas completamente desastrosas sob o comando do Rogério, com a assinatura dele, como contra o Flamengo e como contra o Grêmio. Estou com 50 anos e não lembro de ver uma partida tão ruim do São Paulo nos primeiros 45 minutos, tão desorganizada, tão bagunçada", completa.

O jornalista chama a atenção para a forma como o São Paulo se portou dentro de campo e afirma que Rogério tem deixado uma impressão negativa em seu retorno ao São Paulo, na comparação ao que fez na primeira passagem e mesmo no comando do Flamengo.

"O São Paulo foi destruído pateticamente, eu acho que o terceiro gol, por cobertura, é simbólico, aquele gol de churrasco, quando o goleiro já está tomando uma cerveja no meio do campo, já está ali sem as luvas, querendo comer uma carninha, está no meio do campo e toma um gol por cobertura, gol de churrasco, que é um pouco o retrato do São Paulo nessa temporada de Brasileiro sobretudo", diz Arnaldo.

"Eu fiquei surpreso negativamente com a volta do Rogério ao São Paulo. Eu imaginava um treinador mais maduro taticamente falando e sobretudo mais maduro em termos de relações e de comunicação. O Rogério parece ter involuído depois da sua primeira passagem pelo São Paulo, depois de ter vencido o Campeonato Brasileiro pelo Flamengo e tudo o mais. O Rogério continua sendo completamente autoral nas suas decisões em campo, a cada jogo, a cada time", conclui.

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas e sextas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter).

A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts. Você pode ouvir, por exemplo, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts, Amazon Music e Youtube --neste último, também em vídeo. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Futebol