PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Palmeiras usa garotada e vence Cuiabá no 1º jogo após tri da Libertadores

30/11/2021 23h58

Classificação e Jogos

O Palmeiras colocou um time de garotos em campo e se deu bem em seu primeiro jogo após conquistar o tricampeonato da Copa Libertadores da América. O Verdão derrotou o Cuiabá por 3 a 1, hoje (30), na Arena Pantanal, pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro e, de quebra, apresentou novos valores para o futuro. Gabriel Silva, Giovani e Gabriel Verón marcaram para os paulistas, enquanto Alan Empereur descontou para o Dourado.

Com nove jogadores do time titular revelados em suas categorias de base, o Palmeiras aproveitou da velocidade de seus atacantes, que é também uma marca do time principal, para abrir vantagem no primeiro tempo. O resultado levou o Verdão aos 62 pontos, assegurando o terceiro lugar do Brasileirão. Enquanto as jovens revelações mostravam sua cara em Cuiabá, o planejamento para o time principal do Palmeiras prevê férias a partir de sábado (4).

Do outro lado, o Cuiabá começa a se complicar na parte de baixo da tabela de classificação. Com o tropeço em casa, o time dirigido por Jorginho fica estacionado nos 43 pontos, ocupando o 15º lugar. A equipe mato-grossense tem apenas três pontos de vantagem sobre o Bahia, que é o time que abre a zona de rebaixamento.

O próximo jogo do Palmeiras será contra o Athletico-PR, na segunda-feira (6), na Arena da Baixada. Novamente, esse time de garotos deve ser o escalado para o confronto. Curiosamente, o Cuiabá tem o mesmo adversário pela frente. Como as rodadas finais do Brasileirão estão todas picotadas, o duelo na Arena da Baixada será válido pela 35ª rodada e acontece na sexta-feira (3).

Garotada entra em ação no Verdão

As categorias de base do Palmeiras começaram a dar frutos há algum tempo. E voltaram a mostrar hoje que novos valores estão aparecendo para o futuro. Como parte do planejamento para 2022, o clube optou por escalar uma equipe com novatos e dar folga ao elenco principal. As férias começam no próximo sábado (4) para que a próxima temporada seja antecipada. O objetivo é a disputa do Mundial de Clubes, que acontece na primeira quinzena de fevereiro. Do time titular que enfrentou o Cuiabá, nove foram revelados pelo próprio Verdão, e cinco deles quase não haviam sido utilizados na atual temporada.

Velocidade dita o jogo do Palmeiras

A escalação do Palmeiras foi baseada em suas jovens revelações. Mas da mesma forma que acontece com os titulares, a velocidade foi marca do setor ofensivo. E isso ficou claro logo aos 3 minutos, quando o Verdão abriu o placar. Em lançamento de Michel pelo lado direito, a bola estava mais para Paulão, mas o beque do Cuiabá foi ultrapassado por Gabriel Silva, que ainda driblou o goleiro Walter antes de mandar para o gol.

Dourado erra no ataque

A necessidade de vitória parece ter atrapalhado o Cuiabá no começo da partida. O Dourado não conseguiu impor velocidade nas subidas ao ataque e muito menos pressão à defesa do Palmeiras. A melhor chance aconteceu aos 13 minutos, quando Camilo ficou livre para um chute da entrada da área. A bola, porém, bateu em Rafael Gava na trajetória e saiu pela linha de fundo.

Gol e homenagem à avó

Um dos destaques do jovem time do Palmeiras foi Giovani. Canhoto, o jogador de 17 anos de idade atuou pela direita do ataque e infernizou o setor defensivo do Cuiabá, em especial o lateral Uendel. E foi dos pés dele que saiu o segundo gol paulista. Após lançamento de Kuscevic, Gabriel Menino fez um leve desvio de cabeça em direção ao ataque. Giovani, então, arrancou rumo ao gol. Na entrada da área, gingou na frente de Alan Empereur e deu um chute colocado e rasteiro no canto direito. "Está sendo uma noite incrível para mim. Recentemente eu perdi minha vó. Lembro que falava para ela 'segura um pouquinho para me ver jogando no profissional'. Ela não está aqui, mas tenho certeza que está muito feliz no céu", declarou o atacante em entrevista ao canal Premiere.

Cuiabá diminui sem celebração

Com o passar do tempo, o Cuiabá se encontrou e passou a ameaçar o gol do Palmeiras, embora não tenha criado uma clara chance de gol. Até o fim do primeiro tempo, a melhor aconteceu em um chute de Pepê da entrada da área para fácil defesa de Vinícius. Mas foi em uma jogada de bola parada que o Dourado diminuiu a desvantagem. O escanteio da esquerda encontrou Jenison, que cabeceou a bola na trave. No rebote, Alan Empereur mandou para o gol contra o ex-time aos 40 minutos. "Não comemorei porque tenho um carinho muito grande pelo Palmeiras e pela torcida", disse.

Palmeiras se reencontra no segundo tempo

O Palmeiras voltou para o segundo tempo com a entrada de Vanderlan em lugar de Victor Luís. E, além disso, voltou a se mostrar mais ativo no setor ofensivo e equilibrando um jogo que se caminhava para domínio do Cuiabá no fim do primeiro tempo. Logo, o Verdão criou uma boa oportunidade para aumentar a diferença. Um cruzamento de Gabriel Menino encontrou Renan, que cabeceou para o gol e obrigou Walter a fazer grande defesa logo aos 10 minutos.

Ataque contra defesa

A tentativa do Palmeiras de equilibrar o duelo na Arena Pantanal durou apenas nos primeiros dez minutos. Depois disso, o Cuiabá partiu para cima e, com o apoio da torcida, criou inúmeras chances de gol. A melhor delas aconteceu aos 25 minutos com Clayson. O ex-corintiano avançou pela esquerda, invadiu a área e, livre de marcação, tocou na saída de Vinícius. O goleiro palmeirense, porém, fechou bem o ângulo e fez a defesa.

Goleiro evita empate em pressão

A pressão do Cuiabá prosseguiu até os últimos minutos, embora sem a mesma organização. Bem fechado, o Palmeiras conseguiu evitar a maioria das investidas. E quando não conseguiu se impor com a barreira defensiva, sobrou para o goleiro se virar. Foi o que aconteceu aos 43 minutos após uma jogada de escanteio. A bola sobrou no lado esquerdo para Alan Empereur, que fez cruzamento para a área. Paulão, livre, cabeceou no canto direito, usando o contrapé. Mas Vinícius Silvestre se recuperou e espalmou.

Presente no fim

Depois de quase empatar para o Cuiabá, Paulão apareceu na defesa em mais uma falha decisiva. Ao tentar sair jogando, ele entregou a bola para Gabriel Verón. O palmeirense carregou a bola e, antes de entrar na área, emendou um chute no ângulo esquerdo, sem chance de defesa para Walter, fechando a contagem para o Palmeiras.

Ficha técnica

Cuiabá 1 x 3 Palmeiras
Motivo: 36ª rodada do Campeonato Brasileiro
Data: 30 de novembro de 2021
Horário: 22h (de Brasília)
Local: Arena Pantanal, em Cuiabá (MT)
Árbitro: Paulo Roberto Alves Junior (PR)
Assistentes: Fabricio Vilarinho da Silva (GO) e Sidmar dos Santos Meurer (PR)
VAR: Rodolpho Toski Marques (PR)
Cartões amarelos: Rafael Gava, Uendel, Pepê (Cuiabá); Gabriel Verón, Gustavo Garcia (Palmeiras)
Cartão vermelho: Gabriel Verón (Palmeiras)
Gols: Gabriel Silva, aos 3min do primeiro tempo, Giovani, aos 29min do primeiro tempo, e Gabriel Verón, aos 45min do segundo tempo (Palmeiras); Alan Empereur, aos 40min do primeiro tempo (Cuiabá)

Cuiabá: Walter; João Lucas, Alan Empereur, Paulão e Uendel (Lucas Hernandez); Camilo, Rafael Gava (Cabrera) e Pepê (Jonathan Cafu); Max (Felipe Marques), Jenison (Elton) e Clayson. Técnico: Jorginho

Palmeiras: Vinícius; Michel, Kuscevic e Renan; Gustavo Garcia (Lucas Freitas), Gabriel Menino (Fabinho), Matheus Fernandes (Pedro Bicalho) e Victor Luís (Vanderlan); Giovani (Kevin), Gabriel Silva e Gabriel Verón. Técnico: João Martins

Futebol