PUBLICIDADE
Topo

Atlético-MG

Vitória sobre o Flu é a 15ª do Atlético-MG como mandante no Brasileirão

Hulk e Diego Costa comemoram gol do Atlético-MG contra o Fluminense, pelo Campeonato Brasileiro - Fernando Moreno/AGIF
Hulk e Diego Costa comemoram gol do Atlético-MG contra o Fluminense, pelo Campeonato Brasileiro Imagem: Fernando Moreno/AGIF

Lohanna Lima

Colaboração para o Uol, em Belo Horizonte, MG

29/11/2021 04h00

Classificação e Jogos

Embalado por quase 60 mil pessoas diante do Fluminense, nesse domingo (28), o Atlético conseguiu uma marca importante como mandante no Brasileirão. A vitória, de virada, por 2 a 1, foi a 15ª seguida do time de Cuca em casa na competição.

A única derrota do Atlético como mandante na competição foi justamente na estreia do time, diante do Fortaleza, por 2 a 1, de virada. Depois disso, o time teve ainda um empate diante da Chapecoense por 1 a 1 antes de emendar a longa sequência de triunfos.

Com o grito de "é campeão" vindo das arquibancadas neste domingo, o técnico Cuca seguiu comedido, mas entendeu toda a festa do torcedor em meio ao momento crucial do Galo na temporada.

"Foi um jogo difícil, muito complicado. No primeiro turno, você joga o campeonato valendo três pontos. No segundo, vale muito mais do que três pontos: vale uma vaga na Libertadores, vale uma saída do Z-4, uma chegada para ser campeão. Então, é muito mais complicado. A ansiedade é muito grande dos dois lados. A entrega é total, é 100%, é diferente. Os jogadores vão ao limite", analisou Cuca.

Outros números positivos

O Atlético somou uma sequência de 18 jogos invictos no Campeonato Brasileiro em meio às disputas da Copa do Brasil e da Libertadores. Quando completou 50 jogos na temporada, o time havia sofrido apenas 28 gols, superando a sua melhor marca que era de 2012, também sob o comando de Cuca, com 39 gols nas mesmas 50 partidas.

Atlético-MG