PUBLICIDADE
Topo

Corinthians

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Vitor Guedes: "Sylvinho não tem condição de treinar o Corinthians"

Do UOL, em São Paulo

29/11/2021 04h00

Classificação e Jogos

O Corinthians venceu o Athletico por 1 a 0, neste domingo (28), e está praticamente garantido na fase de grupos da Libertadores. Seria um panorama suficiente para dar tranquilidade a Sylvinho, mas o treinador continua sofrendo críticas ao seu trabalho e tem questionada a permanência no cargo para a próxima temporada.

Na Live do Corinthians, programa do UOL Esporte após os jogos do Timão, os jornalistas Vitor Guedes e Ricardo Perrone discutiram sobre a situação do treinador, que é defendido por parte da diretoria corintiana, mas não conta com o apoio dos torcedores.

"O Corinthians ganha dentro de casa por causa da torcida e perde fora pelo Sylvinho. Eu jamais o teria contratado. Poderia ter me equivocado e ele se mostrar uma surpresa, mas na prática não tem a menor condição. Eu o mandaria embora. Ele não tem condição de treinar o Corinthians. Talvez um dia tenha e o contrate", opinou Vitão.

Perrone contou um pouco sobre o clima nos bastidores do Parque São Jorge sobre a permanência ou não do técnico. "A pressão é enorme de conselheiros. Os caras encontram o Duílio [Monteiro Alves, presidente do Corinthians] e dizem 'tem que tirá-lo'. A Gaviões tem uma posição muito forte de que não dá para ir para a Libertadores com o Sylvinho. É difícil peitarem a Gaviões. O que me surpreende é haver um número razoável de conselheiros, até da oposição, que o defendem"

Vitão se manteve categórico: se fosse dirigente do Timão, Sylvinho não continuaria no cargo. "Respeito a história. Não critico a camisa que ele usa e o jeito que ele fala. Isso é bobagem. Agora, como treinador, ele não fez nada na vida dele para treinar o Corinthians. Quando treinou o Corinthians, não fez nada para ser mantido. Então, eu o mandaria embora", reforçou.

Por conta do posicionamento da principal torcida organizada do clube, que é contrária à permanência de Sylvinho, Vitão acredita que o treinador não deve mesmo continuar em 2022. "Não tem a menor condição de o Sylvinho ficar no Corinthians. Mantê-lo no ano que vem para perder tempo e trocar é uma estupidez. Se vai manter ou não, é um problema da diretoria. O Corinthians não costuma brigar com sua torcida. Eu acho que ele não tem condição de continuar", finalizou.

Não perca! A próxima edição da Live do Corinthians será no domingo (5), logo após a partida contra o Grêmio pelo Brasileirão. Você pode acompanhar o programa pelo Canal UOL, no app Placar UOL, na página do Corinthians no UOL Esporte ou no canal do UOL Esporte no YouTube.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Corinthians