PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Mendy critica Fifa por esquecer Senegal no The Best: "Tão difícil assim?"

Edouard Mendy foi essencial no título de Liga dos Campeões conquistado pelo Chelsea - Clive Mason/Getty Images
Edouard Mendy foi essencial no título de Liga dos Campeões conquistado pelo Chelsea Imagem: Clive Mason/Getty Images

24/11/2021 16h02

O goleiro do Chelsea e da seleção do Senegal, Edouard Mendy, criticou a Fifa pelo post que fez com os goleiros indicados ao prêmio "The Best".

Pelos stories do Instagram, Mendy, que é um dos indicados, criticou a entidade máxima do futebol por "esquecerem" da seleção do Senegal no post. Na arte publicada nas redes sociais da Fifa, todos os goleiros estão com as camisas de seus respectivos países, menos o senegalês.

Mendy, do Chelsea, concorre ao The Best da Fifa - Instagram - Instagram
Mendy, do Chelsea, concorre ao The Best da Fifa
Imagem: Instagram

"Estou há dois dias olhando para isso e tentando entender e não consigo achar um porquê. É normal eu ser o único sem a camisa do meu país, Senegal? É justo com o Senegal isso?", disse o goleiro, que disputa com Donnarumma (Itália), Alisson (Brasil), Schmeichel (Dinamarca) e Neuer (Alemanha) o prêmio de melhor do mundo na posição.

Pouco tempo depois da reclamação de Mendy, a Fifa corrigiu e publicou nova versão da arte, com Mendy vestido com a camisa da seleção de seu país. O goleiro voltou aos stories agradecer a mudança, mas alfinetou a entidade máxima do futebol.

Mendy aparece em arte da Fifa com a camisa do Senegal - Instagram - Instagram
Mendy aparece em arte da Fifa com a camisa do Senegal
Imagem: Instagram

"Obrigada a quem fez isso (a correção)", escreveu o goleiro, que continuou: "Era tão difícil assim, Fifa?".

Mendy, de 29 anos, ganhou destaque na temporada por ser o goleiro titular do Chelsea, equipe pela qual foi contratado em setembro de 2020 — antes, ele defendeu os franceses Reims e Rennes. O goleiro conquistou a Champions League como titular e tem sido um dos destaques da equipe de Londres.

Futebol